1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Álbuns vão reeditar histórias importantes de Demolidor

Tópico em 'Quadrinhos' iniciado por Anica, 10 Mai 2009.

  1. Anica

    Anica Usuário

    De quando em quando, a relação de lançamentos que a Panini divulga todos os meses à imprensa especializada em quadrinhos traz alguma novidade.

    Ou novidades, como neste mês. A editora vai relançar dois momentos importantes do Demolidor: a minissérie "O Homem sem Medo" e as primeiras histórias de Kevin Smith.

    "Demolidor - O Homem sem Medo" (156 págs., preço não informado) foi escrita por Frank Miller, autor que recriou o personagem na virada da década de 1970 para a seguinte.

    A presença de Miller ajudou a salvar do cancelamento a revista "Daredevil" - nome norte-americano do herói da editora Marvel Comics. E impulsionou a carreira do artista.

    ***

    Os cinco capítulos da minissérie recontam a origem do personagem. Após um salvar um idoso, o jovem Matt Murdock foi submetido a um produto que tirou sua visão.

    O acidente teve outro efeito colateral: ampliou os demais sentidos dele. A hipersensibilidade permite que ele atue como o fantasiado Demolidor.

    A história foi lançada pela primeira vez no Brasil pela Editora Abril. Foram cinco números, publicados entre maio e julho de 1994. Dois anos depois, houve uma edição encadernada.

    Os desenhos são de John Romita Jr., artista bastante popular da Marvel, que já trabalhou nos principais títulos da editora estadunidense.

    ***

    "Demolidor - Diabo da Guarda" (212 págs., R$ 28,90) reúne histórias de outra parceria: o escritor Kevin Smith e o desenhista Joe Quesada, hoje o manda-chuva da Marvel.

    A série - também publicada no Brasil pela editora Abril - foi importante para a realidade do herói cego por dois motivos, um narrativo e outro editorial.

    O narrativo: marcou a morte de uma personagem de destaque na vida do chamado "homem sem medo". O editorial: as oito histórias reiniciaram a revista mensal do herói.

    O roteiro de Smith - que também mantém carreira de diretor e ator de cinema - conseguiu recuperar o prestígio dos textos de Frank Miller, escritos anos antes.

    ***

    As duas publicações ajudam a marcar os 45 anos de criação do Demolidor.

    No mês passado, a Panini lançou um álbum de luxo com as primeiras histórias do herói, publicadas na década de 1960 e escritas por Stan Lee.

    A obra integra a coleção "Biblioteca Histórica Marvel", que republica as aventuras iniciais dos personagens da editora. Leia resenha do álbum neste link.

    Fonte:
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
  2. Ronzi

    Ronzi Oh, Crap!

    O Demobilidor é um dos meus superheróis secundários preferidos. Gostaria de ver reeditada A Queda do Rei do Crime em formato americano e papel bom. Essa edição é da época do "gibizinho" publicado pela Abril. A queda Murdock também seria legal rever.

    Uma pena que no Brasil heróis não tão populares não consigam manter títulos mensais. O Lanterna Verde agora está em sua nona edição, mas vamos ver quanto tempo vai durar. Eu gostaria de poder acompanhar, por exemplo, os quadrinhos da Poderosa, mas aqui é piada.
     
  3. Anica

    Anica Usuário

    Eu na verdade conheci o Demolidor através da Elektra ( :eek: ), mas curto bastante a personagem. Aliás, em 1602 (aquela hq do Gaiman) ele é uma das personagens mais legais.
     
  4. Regente

    Regente Serenity Painted Death

    É uma pena que o personagem não faça mais sucesso, pois há quase dez anos que o gibi solo dele tme estado em ótimas mãos (primeiro Bendis, depois Brubaker). Arcos para serem encadernados é o que não falta.
     
  5. imported_Lelo

    imported_Lelo Usuário

    zzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzzz
     
    Última edição: 20 Jun 2013

Compartilhar