1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Air (idem, 2000)

Tópico em 'Anime & Mangá' iniciado por Regente, 28 Jul 2006.

  1. Regente

    Regente Serenity Painted Death

    Eu estou passando mal.



    Air TV teve o final feliz mais deprimente que eu já vi.
     
  2. Úvatar

    Úvatar Meow? Miau! Usuário Premium

    Re: Air TV

    :lol:
    Exatamente.

    Mas eu prefiro o final do filme, embora o mesmo seja infinitamente inferior.
     
  3. Regente

    Regente Serenity Painted Death

    Re: Air TV

    Pois é, falam que o filme tem um clima bem diferente da série, e que os personagens são mais maduros/realistas, rolando até beijos e talz entre Misuzu e Kunisaki.

    Como é o final no filme?
     
  4. Úvatar

    Úvatar Meow? Miau! Usuário Premium

    Re: Air TV

    No filme, a Misuzu meio que se joga pra cima do Yukito, pois ela dedice que irá aguentar a dor e amar as pessoas. Ele já nutria uma admiração por ela e, depois de alguns desencontros japan-style, aceita o amor dela, etc e tal. Ela morre, como no série de TV, mas o Yukito a acompanha até o último momento.
     
  5. Menta Bolseiro

    Menta Bolseiro Quando bebo, fico pior do que

    Re: Air TV

    Bom, ainda nem cheguei a ver o final...
    Mas os primeiros episódios são meio decepcionantes o.o' todo mundo fala tão bem, tá certo que é um anime meigo, cheio de mensagens e tal, mas beira muito ao brega e ao cafona u.u
     
  6. Eldaráto Calimanar

    Eldaráto Calimanar On the heels of his desire

    Re: Air TV

    Este anime me surpreendeu pelo desenrolar da estória. Como a Menta, eu achei o começo do anime um pouco “cuty” e cansativo demais. Porém com certa persistência eu continuei a assistí-lo e me deparei com um final comovente e muito bem elaborado. Finalmente consegui entender porque todas as minhas amigas choraram com este anime, não houveram exceções.

    Nota: 83%
     
  7. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    A melhor parte pra mim, sem dúvida, é a do passado. O mais legal foi perceber que na verdade eles não estão apenas falando da lenda (a pena mágica). Na verdade eles são a própria lenda, que continuava nos dias de hoje de um jeito muito parecido com as palavras de Sam e Frodo que não percebiam que também estavam num conto heróico. O presente da Misuzu e do rapaz era nada mais que a continuidade do passado "vazando" para dentro de nossos dias. Agora, que é triste pra chuchu, isso é. Ainda mais considerando que tinha mais de uma menina que gostava do cara.
     
  8. Haran Alkarin

    Haran Alkarin Usuário

    O Air pra mim é o mais fraco da tríade da Key (Air, Kanon, Clannad), apenas um aquecimento que os autores fizeram para os dois próximos animes (estes sim, animes excelentes). Para mim o anime caiu no melodrama e o final é um tanto quanto dúbio e abstrato, no sentido de ruim dos termos, sentido de história mal contada mesmo.

    Há tanto evidências que Misuzu foi salva do céu e evidências que não foi salva, dubiedade que não acho que acrescenta nada ao anime, diferente da dubiedade de Kanon, que dá uma dimensão maior ao final e é mais sutil inclusive.
     
  9. Neoghoster Akira

    Neoghoster Akira Brandebuque

    No meu caso, das séries dessa produtora a falta de sentido de buracos me parece não apenas natural mas intencional e eu já esperava pelo estilo "você decide" dos simuladores de namoro que originam esse tipo de anime. Por causa da presença de magia e fantasia e por serem voltadas para estimular o "sonho" do público que compra "datesim" elas são abertas e enquadradas como "conto de fadas masculino". Quer dizer se identificam muito com lendas, cheias de buracos e lacunas ambíguas e misteriosas que precisam atender ao velho objetivo de escolher a melhora garota. (quer dizer, até Dom Casmurro teria que se virar nos trinta se tivesse tantas garotas pra oferecer finais com interrogações).

    O que me preocupa mais nesse tipo de anime é a irregularidade no tratamento do foco principal (o "ganha pão" ou lado mais atraente do produto) das séries que são os encontros do protagonista com as garotas. Em Clannad o primeiro episódio da primeira temporada é bom, mas os seguintes são esticados e com "forçação de encontros". A segunda temporada parece ser melhor por causa da adição de elementos realistas que faltavam na primeira temporada.

    Em Kanon eles também forçam mas me parece fluir bem como em Air que tem uma cidade inteira pra poder elaborar encontros e diferente da primeira season de Clannad que é quase que só na escola. Nesse ponto eu acho os encontros fortuitos de Air muito melhores do que a primeira season de Clannad ou de alguns encontros de Kanon (o 2000, não o 2006).

    Não obstante fico muito satisfeito com eles e o de menor nota seria por volta de 6 ou 7 (primeira temporada de Clannad). Na minha nota o resto, incluindo a segunda temporada de Clannad ficaria de 8 pra cima.
     

Compartilhar