• Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Adivinhe qual político eu sou

Só acho essa definição direita/esquerda bem dúbia, para não dizer perigosa...

Vejam a Tabata Amaral, por exemplo. Para os esquerdistas, a Tabata é de direita. Para os de direita, a Tabata é de esquerda.

O mesmo vale para vários outros; muitos bolsonaristas chamam o Novo de esquerdista, por exemplo, só por não serem contra o casamento gay etc.

E aí, caso essa pergunta caia sobre uma advinha que dúbia assim, um lado vai tentar convencer o outro de que está certo.

Eu, particularmente, prefiro que essa pergunta seja evitada.

Pensei na mesma coisa.

Isso porque direita e esquerda são também questões relativas, conforme o contexto - um economista como o Ha-Joon Chang é lido pela esquerda brasileira, mas é considerado de direita na Coréia do Sul - e relacionais. Pra ficar no exemplo que você deu, em relação ao governo e à sua base de apoio, a Tábata Amaral está à esquerda; em relação ao PCdoB, a Tábata Amaral está à direita. Poder-se-ia dizer: então ela está ao Centro. E alguém perguntaria: centro-direita ou centro-esquerda? Dependendo de onde você se situa no espectro político, isso pode afetar a sua percepção sobre onde se situa tal ou qual político. Isso não quer dizer que a coisa seja um bunda lelê sem critério. Há muito de viagem na maionese e drogas pesadas... mas faz algum sentido. O Bobbio faz algumas considerações interessantes sobre essa questão naquele livrinho sobre direita e esquerda.

É possível você fazer esse raciocínio inclusive dentro de um partido de esquerda como o PT: "a direita do PT", "a esquerda do PT", a "ala moderada do PT". Dando um exemplo, o Plínio de Arruda Sampaio que veio com a ala católica do partido, nos anos 1980, quando disputou com a Erundina as prévias para a candidatura à prefeitura de São Paulo representava "a direita do PT", sob alguns aspectos, conservador. Nos anos 2000, quando ele rachou com o partido ali por volta de 2005, ele estava à esquerda dentro do próprio PT. Ele próprio dizia que ficou parado no mesmo lugar, que foi o partido que caminhou para a direita e, com isso, o jogou para a esquerda.

Paulista?
 
Exato! Era fã dele quando ainda era de esquerda e morava em RP..
Formou em medicina na USP lá de Ribeirão e foi prefeito por 2x

palocci-jose-cruz-agencia-brasil-16nov2005-868x644.jpg
 
Exato! Era fã dele quando ainda era de esquerda e morava em RP..
Formou em medicina na USP lá de Ribeirão e foi prefeito por 2x

palocci-jose-cruz-agencia-brasil-16nov2005-868x644.jpg

Boa!
A sua resposta com o"foi" do PT, sendo paulista e tendo sido prefeito, foi determinante pra mim. :)

Antes de eu definir o político, uma dúvida: existe algum recorte cronológico nisso? É só século XX pra frente ou é possível recuar no tempo? :think:
A depender da resposta, a coisa pode ir pra um outro patamar de dificuldade e tem maluco pra tudo, né? Acho que talvez seja interessante delimitar melhor esses marcos cronológicos e até mesmo territoriais, se vocês julgarem interessante.
 
Boa!
A sua resposta com o"foi" do PT, sendo paulista e tendo sido prefeito, foi determinante pra mim. :)

Antes de eu definir o político, uma dúvida: existe algum recorte cronológico nisso? É só século XX pra frente ou é possível recuar no tempo? :think:
A depender da resposta, a coisa pode ir pra um outro patamar de dificuldade e tem maluco pra tudo, né? Acho que talvez seja interessante delimitar melhor esses marcos cronológicos e até mesmo territoriais, se vocês julgarem interessante.

Bom, nos outros jogos não tem nenhum marco cronológico. Pode ser gente de 10.000 AC até pessoas vivas com 5 anos de idade.

Acho que vai ser assim nesse também. Ou seja, a princípio, pode ser desde Ramsés II até Greta Thunberg. Cabe aos demais fazer as perguntas certas.

Ah não venha com algum prefeito de SP do século 18... :roll:

Hahah, mas tem que ser alguém no mínimo conhecido, né. Acho que ninguém aqui conheça, de cabeça, algum prefeito de SP do século XVIII. Já Luís XVI é bem conhecido...
 
Uia, até tinha pensado no Palocci, mas não fazia ideia de que ele já tinha sido prefeito.

Foi presidente?
 
Boa!
A sua resposta com o"foi" do PT, sendo paulista e tendo sido prefeito, foi determinante pra mim. :)

Antes de eu definir o político, uma dúvida: existe algum recorte cronológico nisso? É só século XX pra frente ou é possível recuar no tempo? :think:
A depender da resposta, a coisa pode ir pra um outro patamar de dificuldade e tem maluco pra tudo, né? Acho que talvez seja interessante delimitar melhor esses marcos cronológicos e até mesmo territoriais, se vocês julgarem interessante.
Questionamento pra lá de pertinente, pois o jogo poderia muito bem abranger grandes monarcas, imperadores, estadistas e ser bem interessante pra quem adora história.
 
Questionamento pra lá de pertinente, pois o jogo poderia muito bem abranger grandes monarcas, imperadores, estadistas e ser bem interessante pra quem adora história.
Pois é, Fúria. Se pegar grandes reis e imperadores ainda está ok. Mas de repente pinçar alguma figura mais obscura da corte desses reis e imperadores poderia deixar o jogo impossível. :dente:

Editado. :joinha:
 

Valinor 2023

Total arrecadado
R$2.524,79
Termina em:
Back
Topo