1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Notícias A volta de Daiane dos Santos

Tópico em 'Esportes' iniciado por Olórin of Lórien, 16 Set 2011.

  1. Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Após longo período afastada devido às cirurgias e à suspensão por doping,
    ginasta volta com bronze na Copa do Mundo e sonha com adeus em Londres




    Apesar da fama de "amarelona" que acabou ficando, a maior ginasta da nossa história voltar a competir em alto nível e sem dores é motivo para comemoração. Se vai trazer medalha de Londres, é outra história, e acho que nem cabe tal cobrança por enquanto, mas fico feliz pela volta da Daiane.
     
    Última edição por um moderador: 16 Set 2011
  2. Turgon

    Turgon 孫 悟空

    Se tiver em alto nível, deve ir mesmo para as Olimpíadas, seria legal. Ela fez sim uma história na competição.

    Já trazer uma medalha, eu acho muito difícil.
     
  3. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    E nem deve haver muita cobrança mesmo, pois apesar dela ter 28 anos se fossse atleta de vôlei poderíamos dizer que ela poderia jogar pelo menos mais 1 olimpiada, mas pra uma ginasta já é uma idade avançada, então ela vai pra Londres pra fechar seu cíclo olimpico com muita dignidade.
     
  4. [F*U*S*A*|KåMµ§]

    [F*U*S*A*|KåMµ§] Who will define me?

    Ela e os hipólitos colocaram o Brasil no mapa desse esporte.
    De fato ela não levou quando era favorita, mas isso não deprecia a sua carreira.
     
  5. Certamente. E só de ter um movimento que leva seu nome, ou seja, será lembrada pelo esporte para sempre, já é espetacular.
     

Compartilhar