1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

A Vingança de Willard (Willard, 2003)

Tópico em 'Cinema' iniciado por Salamanca, 23 Jan 2004.

  1. Sinopse: Um homem solitário começa a ter uma estranha conexão com ratos e os usa para fazer suas vontades.

    Elenco: Crispin Glover, R. Lee Ermey, Laura Harring, Jackie Burroughs

    Direção: Glen Morgan

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Oi!
    Não achei nenhum tópico sobre o assunto, mas se tiver me desculpem e peço aos moderadores que tranquem! :)

    Vamos ver se alguém viu esse filme que alguns odeiam, outros amam. Alguns acham engraçado, outros assustador; alguns acham viajado, outros divertido. Bom, independente de qual for o seu caso, um grupo dessas pessoas está absolutamente certo e você tem que concordar: o filme é viajado. Quer dizer, como assim um cara se torna amigo de ratos - milhares de ratos - que logo passam a obedecê-lo, como se entendessem a linguagem humana?

    Sei lá. Mas a primeira coisa que você deveria fazer é olhar esse lado e dizer: eu não dou a mínima. :clap: E não é tão difícil assim. Se fosse, Kafka teria ido à falência.

    Bom, o Willard do título é o FABULOSO Crispin Glover, que deopis falo da sua atuação, que com certeza é um show a parte. Esse jovem rapaz leva uma vida solitária; seu pai morreu não há muito tempo, sua mãe está doente e caduca, e o pior: no trabalho só falta seu chefe pegar uma R-15 e trucidá-lo. Pois não pode demití-lo, em vista que a empresa foi fundada pelos pais de Willard e, segundo a lei, este tem o direito de trabalhar nela independente da vontade do chefe.

    Até que se dá conta da existência de ratos no seu porão. Não demora muito para ele perceber que esses animais não são tão asquerosos assim. Na verdade, parecem muito bons e... bem, comunicáveis. É bem parecido com a vida real, se você for pensar bem. A gente não vai ter uma visão melhor de alguém se não conhecermos ela melhor. Mas a depressão e dificuldades de Willard pelo menos nesse caso serviram para dar-lhe um empurrãozinho e fizeram com que o homem sentisse até um afeto pelos bichos, e logo considera um deles o seu melhor amigo (até dá um nome!).

    E agora não só gosta deles, como os ratos atendem seus comandos. Aí ele tem "A" idéia. Vou parar por aqui, mas basta você olhar para o título do filme (em português) para imaginar as coisas.

    Ah, claro, não interessa se você acha isso aceitável ou não. O que importa é que o filme nos leva a um caminho tão... real... mesmo em meio à tanta fantasia, que passamos a entender a situação de Willard, um personagem que aos poucos revela carisma e pena.

    E é aí que o filme se preza. Difícil é pegar o ponto de partida de um filme - a casca do ovo -, sendo bizarra e grotesca do jeito que é, remexer a gema tão bem que esta e a casca viram uma coisa só - e nesse caso foi uma seriedade e sensibilidade que é impossível não se comover. Sim, é tocante, por que não?

    Para provar que com inteligência isso se faz, basta lembrar de Náufrago. O cara deixa a bola de vôlei escapar e é uma das cenas mais emocionantes do filme, que arrancou lágrimas do cinema inteiro. Meu, é uma bola! Mas é a medula, o miolo da coisa, a história por trás daquilo, que é capaz de transformar as mais grotescas das coisas nas mais bonitas das coisas. E é isso que "A Vingança de Willard" faz.

    Ok, voltando ao Crispin: ele é foda, sério. Se há um cara que conseguiu armar o castelo de cartas todo e não deixá-lo cair, mesmo com o vento, foi ele. Fez um ótimo trabalho aqui, representando bem todo o espírito que um personagem dessa magnitude deveria ter.

    Diga-se de passagem: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap:

    O filme é engraçado, assustador, viajado, mas, acimda de tudo, divertido ao extremo. Um pipocão de qualidade.

    4/5
     
  2. Mouth of Sauron

    Mouth of Sauron Usuário

    crispin realmente é um cara estranho hehehe.. um ator perfeito para papéis enigmáticos........

    Esse filme me divertiu pakas..... nota 5 pra ele... até minha esposa qe nao gosta de filmes com animais psicoticos adorou hehehe...

    ahum... ristow relembre....
    "Ben, vc sabe que só o Socrates pode vir...." :lol:
    "Ben, vc é mto grande, e se minha mãe te ver..." :lol:
    "Okay Okay, Socrates esta de acordo" :lol: :lol:

    realmente ele encarnou o papel, aff... era um tal de mr. socrates pra ca e pra la heuaheuhaea... :*

    8-)
     
  3. Poxa, eu queria ver esse filme, mas nem estreou aqui em campinas pelo visto :/
     
  4. Uncle

    Uncle Sou cool

    Esse ator realmente merece melhor consideração. Desde De volta para o futuro já gostava dele. Em As Panteras, o filme vale por ele, o papel de é o melhor. Esse não vi ainda, mas quando sair na locadora com certeza vou alugar :D
     
  5. Mouth of Sauron

    Mouth of Sauron Usuário

    se vc gostou dele nos filmes das panteras, vai ver qe a exposicao dele neste filme é excitante huaehauhea...

    o cara é mto loko hauehauehauea....

    "Filho o que é isto na sua mão?" :lol:
    "Nada mãe, é sabão.." :lol: :lol:
    "Isso é Óleo de cozinha...." :lol: :lol:
    "willard vc já é muito grande para isto>... " :lol: :lol: :lol: :lol:
     
  6. Dirhil

    Dirhil Olha, Schroeder...

    É que foi direto para VHS e DVD =)
     
  7. Hmmm...achei que fosse estrear no cinema, porque vi pôsteres e baners do filme nos cinemas..
     
  8. Ei, eu vi esse filme no cinema. Acho que ficou passando durante uma semana só, aqui em salvador, durante um horario somente na menor sala do menor mutiplex daqui.....mas passou. :mrgreen:

    E eu realmente gostei mt do filme. Tb, eu sou fã do Crispin Glover (e de boa parte do elenco de de volta pro futuro :mrgreen: ), e ele tava tão bem nesse filme que fica dificil dar uma opinião imparcial. :P

    Mas bem, o filme é bem isso que o ristow falou, divertido em algumas horas, assustador em outras, "sufocante" em outras mais. O jeito como o personagem tratava os ratinhos é sensacional, como na sequencia que o mouth citou no primeiro post dele nesse topico.... :lol:

    Mt bom. :)
     
  9. Findëlaurëa

    Findëlaurëa Usuário

    Er... eu não gostei. Crispin Glover está demais, mas mesmo assim, como o Ristow falou no primeiro post é bem viajado. Pena que isso não me agradou. A idéia é até legal, mas eu acabei rindo o filme todo com aquelas cenas bizarras. Pode ter sido até esse o objetivo, mas não gostei não. :roll: Pode ser também que eu não tenha gostado porque eu vi o filme dublado e preto e branco... Talvez eu veja ele decentemente e mude de opinião... =P
     
  10. ExtraTerrestre

    ExtraTerrestre Usuário

    o filme eh mto bom!!! nossa... quando você rir e de sarcasmo... vc se sente o vilão...
     

Compartilhar