1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

A Profissão da Senhora Warren (Bernard Shaw)

Tópico em 'Literatura Estrangeira' iniciado por Tataran, 24 Mar 2011.

  1. Tataran

    Tataran Usuário

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Eu andei lendo neste último ano algumas peças de Bernard Shaw (Pigmalião, César e Cleópatra, O Discípulo do Diabo e O Homem e as Armas). Em todas as suas peças, há um (ou vários) momento em que os personagens resolvem jogar a hipocrisia fora e falar abertamente do que está acontecendo. É como um grande exercício de sinceridade e honestidade: a verdade nua e crua jogada na cara.

    Mas, de todos, esta última peça que acabei há pouco (A Profissão da Senhora Warren) bate todos os recordes de "rasgar o verbo". Toda a trama do texto se desenvolve em torno da vinda à luz da verdadeira profissão dessa Senhora Warren (e vocês já podem imaginar qual seja essa atividade que ela desenvolve :sacou: ), e como essa descoberta irá afetar a filha dela, o namorado da filha além de um de seus amigos.

    Segundo o prefácio da minha edição, a peça foi proibida, na Inglaterra, para exibição, durante um bom tempo, só tendo sido totalmente liberada mais de 20 anos depois de ter sido originalmente escrita.

    Em resumo, gostei bastante do texto e creio que, do que li até agora, essa peça do Bernard Shaw só deve perder em qualidade para o próprio Pigmalião.
     

Compartilhar