1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

A Pedra Fiel

Tópico em 'J.R.R. Tolkien e suas Obras (Diga Amigo e Entre!)' iniciado por Parisio, 11 Jan 2005.

  1. Parisio

    Parisio Usuário

    Lanço um tópico para falarmos desse notabilíssimo conto. De início, saliento dois aspectos dele:

    1. Parece que esse é o único escrito de Tolkien que traz uma menção direta ao poder da ubiqüidade, ou seja, do espírito usar um outro veículo enquanto o corpo repousa.

    2. A declaração final de Aghan, "Quando se transmite algum poder para algum objeto que se fez, tem-se de compartilhar seu sofrimento.", nos remete diretamente à relação entre Sauron e o Um Anel. Se a Pedra Fiel não tivesse conseguido controlar o fogo, talvez Aghan tivesse sucumbido e amanhecido morto junto ao leito do irmão, assim como foi a queda do Anel no fogo de Orodruin que significou a ruína de Sauron, e não uma agressão direta a ele, como a infligida muito antes, se não me engano, por Huan.
     
  2. Witchking

    Witchking Usuário

    Sauron transmitiu grande parte d seu poder pro anel, tanto q sem ele naum conseguia assumir uma forma fisica... eh preciso saber q qdo c faz tal coisa, vc esta sujeito a graves consequencias... eu axo q Sauron, na sua ganancia d dominar os povos da Terra-Media e na crença d q os Valar haviam negligenciado a Terra-Media , naum pensou mto a respeito desa kestaum, d q c o Anel fosse destruido ou mermo tomado, ele seria dstruido...

    Vcs axam q Sauron pensou sobre iso qdo forjou o Um Anel, isto eh, q alguem poderia toma-lo, ou mesmo destrui-lo, e com iso, ele tbm seria dstruido?
     
  3. Krebain

    Krebain Banned

    :nope: Sauron tinha forma física, sim. O Olho era só uma metafora.

    Realmente, Sauron não pensou que tomariam o Anel dele, muito menos destru-lo já que era algo virualmente impossível. O Anel só representava um perigo eminente se alguem o usasse. De outro modo, não faria mal nenhum ter ou não ter o Anel.
     
  4. Parisio

    Parisio Usuário

    Amigos, lembrem que o tópico é sobre "A Pedra Fiel". Quero conhecer suas opiniões sobre a interpretação que expus.
     
  5. Haran Alkarin

    Haran Alkarin Usuário

    Pessoal, uma dúvida: vi em algum lugar do fórum que humanos não tinham poder sub-criativo, por não estarem ligados a esse mundo, estarem apenas de passagem. Mas como os druedáin conseguiam fazer o que foi relatado nesse conto :think: ? A lenda seria falsa, como o Fingolfin disse
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    ?
     
  6. Slicer

    Slicer Não estava vivo no Dilúvio, mas pisei na lama.

    Na mesma carta onde Tolkien explicava isso para um leitor, ele parou no mesmo momento de escrever e adicionou uma nota: "Mas os Dúnedain faziam armas mágicas?"

    Creio que os Drúedain, assim como os Dúnedain, não são 100% humanos. Os últimos têm sangue élfico. Já os primeiros eu não sei dizer.

    Para não fugir das perguntas do Parisio, aqui vai minha opinião:
    1 - Eu também não me recordo de qualquer demonstração desse tipo de poder por parte de quaisquer outros seres de Arda. Mesmo que não seja o próprio fëa deles dentro da estátua, foi a única vez que vi algo semelhante a um "golem" na obra de Tolkien.
    2 - Concordo. Aliás, acho que Aghan se arriscou 1000x mais do que Sauron nesse caso. O simples fato do objeto ser do seu tamanho e estar longe dele já confere à tarefa muito mais riscos.
     
  7. Parisio

    Parisio Usuário

    Em primeiro lugar, o que vocês chamam de "poder sub-criativo"?

    De qualquer forma, acho que o argumento de Fingolfin, relativo ao caráter lendário da narrativa, não se sustenta. Tolkien reportou todas as narrativas do Conto de Arda como lendas.

    Lenda não é sinônimo de ficção construída sobre o passado ou realidade deturpada. Lendas podem ser narrativas fiéis, mas míticas. O que há é que muitas vezes a fidelidade das lendas não pode ser confirmada porque são histórias velhas, e quem conta um conto sempre acescenta um ponto...

    :roll:

    Aí torna-se uma questão de fé.
     
  8. Erúnamo Kalring ¥

    Erúnamo Kalring ¥ Templo do Conhecimento

    se não tinham poder sub-criativo, por que então a linhagem dos Dunedain tinham "Mãos que curam?" e o poder de certos homens, como por exemplo Denethor II? E o poder dos Duendain em entender os corações dos hoemns inferiores? acho que sim, eles tinham, em certa medida o poder sub-criativo.
     
  9. Morpheu

    Morpheu Chato

    En Taro Adun!

    Bem, acredito que "Mãos que curam" era apenas uma força de expressão relativa ao enorme poder de cura, sem dúvida derivado do conhecimento que sobreviveu à Queda de Númenor, que havia nas linhagens de Dúnedain mais puras (como a dos Reis) e que era interpretado como um poder inerente aos homens do Oeste pelos homens inferiores da Terra-média. Por outro lado, não se pode esquecer que os Dúnedain da linhagem de Elros tinham sangue élfico.

    Voltanto à questão da Pedra Fiel, se examinado com cuidado este conto apresenta muito mais características fantásticas do que qualquer outro relato presente nos livros (sérios) publicados. Considero que a inclusão dele no ensaio sobre os drúedain teve a intenção de atentar para as idéias que o Povo de Haleth tinha deles. Embora a analogia com a transmissão dos poderes de Sauron seja muito válida, penso que isto tenha relação com os processos secretos de feitura dos Anéis élficos, e não seria apenas o ato de encostar nele que garantiria suas propriedades.

    Abraços,

    Turkáno Erutur
     

Compartilhar