1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

A Nova Corrida Espacial

Tópico em 'Ciência & Tecnologia' iniciado por Thor_theOld, 10 Abr 2007.

  1. Thor_theOld

    Thor_theOld Banned

    O regresso a China da primeira nave chinesa tripulada enviada ao espaço, (a Shen-Zhou VI), dia 10/Abril/07, levantou uma grande polêmica na comunidade internacional, e nos meios científicos e imprensa global. Será que estamos entrando na éra de uma nova corrida espacial, como nos tempos da Guerra Fria? :think:

    Alguns supõem que em breve estarão China, EUA, e Rússia, e talvez mais alguns países, (como a India), a se engalfinharem em uma corrida espacial, na qual inclusive países como o Brasil poderão lucrar para o desenvolvimento de sua indústria espacial, pegando "carona" com esta nova etapa do setor astronáutico...

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    As naves Shenzou são uma modificação do modelo russo Soyuz, e transportam dois tripulantes, (no caso chinês, taikonautas, a versão chinesa de astronautas desde 2003, quando a China entrou na corrida espacial).

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    A "Nasa chinesa": CNSA- Agência Espacial Chinesa...

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Segurança máxima: a vigilância tem sido triplicada...

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Um novo centro de investigação e produção espacial começou a ser construído em Xangai, e deverá estar finalizado até 2010, de acordo com o jornal China Daily. A estrutura abrangerá aproximadamente 80 hectares.

    A tensão aumenta consideravelmente entre China e Japão, causando desagradáveis preocupações entre os estrategistas do mundo inteiro. Para contrabalancear tal situação, a China realiza aproximações diplomáticas com as suas antes rivais India e Taiwan, (ou República Nacionalista da China). A crise agora acirrou-se devido a interesses de Tókyo e Pequim (Beijing), sobre reservas de gás natural, em uma área do Mar da China Oriental. O local também possui riquíssimas reservas de petróleo. O local tão desejado é reivendicado pelos dois países. O gabinete de relações exteriores chinês diz que a atitude japonesa é uma provocação clara, generais já fazem declarações inamistosas de ambos os lados. Os protestos contra o Japão multiplicam-se pela China. O local estratégico está em disputa diplomática desde 2003, quando a China começou a explorar os recursos daquilo que o governo japonês considera uma "zona exclusiva", por seu lado, o Japão já está concedendo direitos de exploração petrolífera na região a empresas japonesas...
    As relações diplomáticas entre ambas as nações, (as duas potências da Ásia), já íam mal desde que o Japão aprovou os novos Manuais de História, que omitiam episódios da Segunda Guerra, praticados pelo exército imperial nipônico, e considerados "crimes de guerra". Em resposta, o Japão acusa a China de violar os direitos humanos, das torturas contra membros da seita Falungong, e da invasão do Tibet, e massacre sistemático de monges tibetanos. Ao que tudo indica, a crise está longe de ser solucionada...

    A embaixada nipônica em Pequim sofreu atentados de uma multidão de universitários chineses, que protestavam contra a "versão japonesa da 2º Guerra Mundial"... Normalmente na China, a repressão as manifestações é violenta, mesmo as manifestações pacíficas são reprimidas com força policial, mas desta vez as autoridades limitaram-se a não permitir a entrada dos manifestantes no predio da embaixada, embora nada tenham feito para reprimir os manifestantes... O protesto reuniu mais de 10 mil jovens! A rivalidade está se espalhando por todo o setor asiático, e a China está a incrementar seu material bélico, com submarinos invadindo as águas territoriais japonesas. Armas podem estar sendo criadas nas bases espaciais, enquanto estas estão sendo construídas em solo, e poderão ser testadas quando as estações espaciais chinesas estiverem em órbita... A questão é que o petróleo é vital para a continuidade do milagroso crescimento econômico chinês, e a China trata isto como importância número um. Recentemente, o governo japonês entrou em debates internos sobre ampliar seu orçamento em relação a melhoramentos em suas forças armadas, incluindo até progamas de "autodefesa" com mísseis e satélites.
     
    Última edição: 11 Abr 2007
  2. Elminster

    Elminster Usuário

    Ainda que venha ao caso esses fatos, não vai ser nestes tempos que a briga vai se acirrar, espere só até a China ultrapassar os EUA como potência mundial... e a nova corrida espacial é só um preceito do que virá adiante. Não sou contrário á China, só sou um observador e gostaria de ver qual será seu primeiro mandamento após se tornar potência mundial. Quanto ao Japão, a mesma importância que os chineses dão á reserva de petróleo, os japonenes devem dar de igual, já que este está com a economia estagnada, briga séria essa que vai ser :think:.

    Ao Brasil finalmente teremos crescimento econômico razoável, vejamos: principal potência de produção do etanol, como o Lobo disse a corrida nos favorecerá, e a boa amizade com o governo chinês.

    Opiniões? :joy:
     
  3. Úvatar

    Úvatar Meow? Miau! Usuário Premium

    E o Outer Space Treaty, só serve para fazer volume? :osigh:
     
  4. Thor_theOld

    Thor_theOld Banned

    Infelizmente, como no caso do Tratado de Verdun, da Liga das Nações, da ONU, da Santa Aliança (arquitetada pela Rússia após vencer Napoleão), tais tratados só funcionam até a primeira potência romper seus termos...
     
  5. Cad

    Cad The punishment is loneliness.

    Tirado do G1.
    Rússia -> Primeiro Homem no espaço, EUA -> Primeiro Homem na Lua (Sem teorias da conspiração por favor), ( ) -> Primeiro Homem em Marte? Quem vcs acham, EUA, Rússia ou quem sabe talvez a China?
     
  6. Thor_theOld

    Thor_theOld Banned

    Isto eu não sei, mas sem desmerecer a sua indagação, tenho outra pergunta:
    Quem destas nações que você citou, acham que fará a primeira base na Lua????
     
  7. Sano

    Sano Porque né

    EUA. Mas quem fará mais bases ao longo do menor tempo, provavelmente China. Provavelmente realmente estamos entrando numa nova corrida espacial sim. :yep:
     
  8. Olórin

    Olórin ai que uó

    Hum, se eu me lembro bem existe o projeto de construção d euma base na lua, neh?
    O projeto é do EUA, mas acho que tem ligação com outros países também. Como na base espacial internacional.
     
  9. Thor_theOld

    Thor_theOld Banned

    Não existe oficialmente nenhum projeto no papel, só a idéia, mas extra-oficialmente, acho que já existem vários projetos...


    A idéia da Base Internacional éra antes da China ter tecnologia espacial "séria"... Aí a Rússia estava em recuperação econômica, e a Europa faria um acordo com os EUA e Rússia, para a construção de um "laboratório-lunar", ("Moon-Lab"), em conjunto, administrado pela ONU... Mas isto é uma idéia muito ultrapassada, agora os EUA enxergam uma nova oportunidade de movimentar sua industria espacial, a Rússia está determinada, e a China mais do que nunca, enfim a rivalidade fará a desunião... :mrgreen:

    Penso que a "concorrência espacial", é uma das novas metas globais entre as potências, no "jogo de xadrez mundial"... :cool:
     
  10. Elminster

    Elminster Usuário

    e o Brasil neste contexto de corrida espacial, ganhas e perdas? :think:
     
  11. Thor_theOld

    Thor_theOld Banned

    Por enquanto se limita a assinar acordos na Ucrânia, para alugar a base de Alcântara no Maranhão, (a melhor base para lançamento de foguetes do "mundi" inteiro, pois lançados de lá eles economizam devido a localização estratégica, muito mais combustível), para corporações estrangeiras... Bom, mas não desanimemos ainda, talvez (são só boatos), saia um acordo de desnvolvimento de satélites barsileiros comerciais com uma coalizão de empresas européias, liderada pela Ariane francesa, a mítica compania responsável pelo foguete homônimo, que desbancou a liderança americana sobre o setor de foguetes lançadores no Ocidente... É esperar pra ver...
     
    Última edição: 11 Abr 2007
  12. Cad

    Cad The punishment is loneliness.

    Cara. Meio cedo pra responder, acho que depende um pouco do próximo presidente dos EUA, pq se não fico com a Rússia. Eles são mais loucos.

    Temos a base espacial de Alcântara. Se ao menos o governo investisse de verdade, seríamos um possível bom aliado nessa corrida espacial. :bump:
     
  13. Shazan

    Shazan siscapuliu

    Última edição: 11 Abr 2007
  14. Omykron

    Omykron far above

    bom, a questão sócio-política da corrida espacial durante a guerra-fria é outra.

    o que se sabe sobre a vida no espaço e as aplicabilidades são infinitamente superiores, e não tem mais essa de "conquistar" o espaço. A corrida atual está mais voltada para o lado economico do que para o lado sócio-político (guerra fria).

    hoje meio mundo precisa de um satélite (principalmente empresas de comunicação), porém nem todo mundo lança satélite.
    ou você acha que todo mundo vai querer lançar pela china sem garantias, mesmo sendo barato, ou mandar via eua com garantias e pagando mais?
     
  15. Fúria da cidade

    Fúria da cidade ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

    Bom.. no mínimo na proxima olimpiada que será lá na China acredito que eles finalmente desbancarão os EUA no quadro de medalhas, algo que na ultima já chegaram bem proximo. Pelo menos na esfera esportiva a curto prazo eles terão esse gostinho.:joy:

    Já em relação ao espaço, pra ser uma nova corrida espacial penso que teria que ser por conquistas novas, mais ousadas e que nem mesmo os EUA com toda a estrutura da NASA ainda conseguiram.

    De qualquer maneira a China já até fazia por merecer ter o seu espaço no cenário aeroespacial e pra mim não será surpresa alguma se daqui algum tempo se eles construirem estações espaciais próprias ou quiserem mandar naves tripuladas pra Lua pra fazer outras explorações além de terem o prazer de poder fincar a sua bandeirinha vermelha lá. Afinal há muito "espaço" no espaço e eles não precisam pedir autorização pros EUA pra isso.
     
  16. Thor_theOld

    Thor_theOld Banned

    Mais informações:

     
  17. Ivan_RF

    Ivan_RF Usuário

    Para mim o maior problema ainda da corrida espacial é os sistemas de propulsão atuais, a grosso modo ainda não passam de simples rojões. Acho que levará algumas décadas para que surja algo novo que seja empregado na prática.
     

Compartilhar