1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

A Navalha de Occam

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Engethor, 20 Dez 2002.

  1. Engethor

    Engethor Son of Jango

    A Navalha de Occam
    "Pluralidade não deve ser postulada sem necessidade"

    William de Ockham foi um monge franciscano do século 14, dotado de ideais de pobreza e minimalismo na vida. O princípio q ganhou seu nome já era conhecido antes disso, mas Ockham o utilizava com tanta freqüência em seus escritos sobre filosofia e teologia q teve seu nome a ele associado. Por ex, Aristóteles já dizia q, "quando mais perfeita a natureza, menos mecanismos ela requer para seu funcionamento".

    Tá certo q esse ideal de perfeição através da simplicidade é invenção humana, mas, como guia, como auxílio na busca de explicações, tem funcionado bem. Então, o princípio minimalista de q "Pluralidade não deve ser postulada sem necessidade" ficou conhecido como sendo a Navalha de Occam (Occam's Razor).

    Atualmente, a Navalha é normalmente interpretada em termos de "não multiplique váriáveis sem necessidade" ou "a melhor explicação é a mais simples". Ou seja, se há diversas explicações para um fenômeno, o princípio indica escolhermos a mais simples. Para que usar uma explicação complicada e cheia de premissas e de "se" quando se pode utilizar uma explicação mais simples e q responda às mesmas perguntas? Isso é bem intuitivo (q o diga o marido q chega tarde em casa com bafo de cachaça: ele vai contar uma desculpa mirabolante, mas...).

    Um exemplo: em meados do milênio passado, o geocentrismo começou a sofrer de excesso de complicação. Para explicar as observações dos movimentos dos planetas, o modelo geocêntrico estava ficando tão complicado q, quando Copérnico propôs o modelo heliocêntrico, a simplicidade deste era atraente (apesar de ser herege). Mais tarde, claro, o sistema heliocêntrico foi comprovado (e aperfeiçoado) por observações independentes. Mas o princípio q motivou Copérnico a procurar e adotar outro sistema foi a busca pela simplicidade. Com isso em mente, ele formulou algo mais simples e q se mostrou mais próximo da realidade.

    Na verdade, a coisa se reduz a: se confrontado com duas explicações, uma mais provável q a outra, a escolha racional obviamente é pela explicação mais provável.

    Notem q a Navalha é apenas um princípio filosófico. Não é uma regra da Natureza nem nada. Mas é uma das ferramentas de trabalho do cético. Ela é ótima para descartar as teorias absurdas, ilógicas e mirabolantes. Coincidentemente (ou não ;) ), as teorias mais extravagantes e cheias de complicações vêm das hostes esotéricas e similares.

    Vejamos... era a hora de eu deixar algo para debate: quais dúvidas ou polêmicas podem ser melhor tratadas com o uso da Navalha? Lembrando q a Navalha não resolve a polêmica, mas indica um bom caminho a seguir.
     
  2. Mentor

    Mentor Usuário

    Acho que o assunto dos Extraterrestres visitando a Terra, dos OVNIs em geral, é um excelente caso para o uso da Navalha.
     
  3. Thico

    Thico The Passenger

    Bom pelo que entendi, ela serve para simplificar as coisas, por exemplo, para que dar um desculpa mirabolante se não é mais facil dizer o você fez...

    Pq?
     
  4. Mentor

    Mentor Usuário

    A melhor explicação é a mais simples, como foi dito no inicio:

    Ovnis podem ser Ets vindo do outro lado da galáxia, enfrentando condições extremas, sem saber se iriam encontrar algo, ou simplesmente tecnologia terrestre ultra moderna?
     
  5. Elanor Ladeira

    Elanor Ladeira Apaixonada

    Engethor, algo me diz q nos encontraremos muito por aqui! :wink:

    Olha só, essa Navalha (que eu não conhecia) é extremamente útil na hora de bolar um projeto, e tendo em vista a qtd de usuarios aki q estão na época de escreverem projetos de mestrado, doutorado, monografias etc, acho q isso eh um fator importante a ser discutido.

    Para se fazer uma tese (qq q seja ela) é necessário uma pergunta (qto a elaboração dessa pergunta de maneira correta, q é essencial ao projeto, eu discuto outra hora em outro lugar), e o seu projeto vai tentar responder essa pergunta atraves de metodologias, é ai q a Navalha se encaixa, busque metodologias simples para responder sua pergunta, isso alem de facilitar aumenta as chances de vc conseguir resultados pouco refutaveis e mais concretos.

    Esse forum dah trabalho pois tem q elaborar bem as coisas antes de postar, mas acho q ficou claro...
     
  6. Clarice Starling

    Clarice Starling Usuário

    Navalha na Biblia.
    Sinceramente,
    Eles complicam e enrolam tanto aquele livro que nao da pra entender nada, é muito confuso. Se passassem a navalha, talvez fosse mais claro e poderiamos saber se ali trata-se de um "livro das virtudes" ou de uma chave pras respostas que procuramos.
     
  7. Sister Jack

    Sister Jack Usuário

    Lembro da Navalha de Occam ser mencionada algumas vezes em Contato. Quando a Ellie entra na nave essa aparentemente não funciona, o governo rejeita a versão dela de que ela passou 16 horas no espaço e uma fração de segundo fora da Terra e voltou.

    Eles acreditaram que a nave simplesmente falou. Obviamente, a Navalha estava errada nesse filme.

    Só queria mencionar.
     
  8. Engethor

    Engethor Son of Jango

    Ah, sim! Não é ótimo ter um filme q cita expressamente a Navalha! :grinlove: Ellie (Jodie Foster) a cita para o padre.
    Sim, o governo não acredita na mirabolante história dela. Mas havia uma evidência q não foi levada em conta. Uma fita gravada com 16 min (eram min, não horas, né?) de estática. Ou seja, informações insuficientes levam a conclusões equivocadas, não dá pra evitar.

    Aquele final foi um balde de água fria para a Ellie (um teste derradeiro para ela?). Para ela ver como é difícil convencer alguém com base apenas no seu testemunho.


    Olá, Elanor! Nos veremos bastante, sim. :D
     
  9. Sister Jack

    Sister Jack Usuário

    Pois é, eu já ia mencionar isso. :wink:


    E eu acho que é horas. 16 ou 17 horas. Quase certeza.
     
  10. Logan Mcloud

    Logan Mcloud Usuário

    eram 8 horas... e eu acredito q a navalha nao pode ser levanda em conta em teorias de derivam da matematica pois muito embora usas variaveis acabem se tornando muito complexas em ontros sistemas poderim ser muito simples no entanto como a matematica foi criada a partir dos nossos dedos ela se mostra uma coisa puramente humana e portanto nao necessariamente eh a melhor ferramente para explicar sertos tipos de fenomenos...

    abraços Dwarf
     
  11. Círdan.

    Círdan. bastard

    Quando eu li esse tópico pensei logo no filme O Contato que o Folco citou ,eram oito horas de gravação..

    A personagem principal ,que eu não lembro o nome, começa o filme comuma posição mais cética levando em conta a navalha , e no decorrer da história ,conforme ela vai experimentando novas coisas sua opinião muda de forma radical...

    A navalha abre um novo caminho na própria bílbia ,como disse a Clarice , as teorias se confundem se tornando cada vez mais complexas ,dando voltas e mais voltas sem sair do ponto original:se você não é bonzinho não vai pro céu.

    Em outro caso bem interessante em que a navalha poderia ser aplicada é na questão sobre destino que está sendo discutida lá no CdI...a explicação mais simples é a mais lógica..
     
  12. Inho

    Inho Usuário

    Eu não conhecia essa navalha, e achei muito interessante. Só uma coisa...

    Aquele programa da NASA (é da NASA?), o SETI (é mesmo o SETI?) que procura seres extraterrestres baseados em identificar radiações emitidas por estes seres: se passássemos a Navalha de Occam neles, o que ficaria?

    Afinal, essa é a maneira mais prática de se encontrar ET's, se eles realmente existirem. Mas é a maneira mais estúpida de jogar dinheiro fora se eles não exisitirem.

    Poderíamos encontrar explicação mais simples e irrefutável para a existência de Ets do que o fato de que viaja pelo espaço um certo tipo de onda que eles procuram. Isso só nos mostra que a onda veio de um lugar tal e foi produzida por algo que não conhecemos nem entendemos. Mas isso não prova a existência de ETs.

    Navalha no SETI.
     
  13. Kaji

    Kaji Usuário

    O racicínio matemático é universal, o triangulo pitágoras sempre exsitiu e sempre vai existir em qualquer canto do universo onde alguém faça um raciocínio lógico e descubra isso, não importa a espécie. De toque humano na matemática temos apenas o fato de usarmos um sitema decimal e isso pode ser adaptado.
    A matemática permite diversas abordagens para problemas desde que seja provada válida a relação entre as abordagens, essa é a grande tendência dos matemáticos de nosso século, unificar a matemática, relacionar as diversas áreas de forma que os problemas possam ser abordados por prismas diferentes, até por caminhos mais simples, usando a navalha de occam dessa forma. Vc deve optar pelo método matemático mais simples na hora de resolver um problema pois ele tem a maior probabilidade de levar a uma resolução correta sem se perder em complexidades.

    Inho,
    não sei se entendi muito bem o seu argumento quanto ao SETI, acredito que ele seja a forma mais simples e possível de acharmos indícios de vida extraterrestre inteligente, mesmo que seja pouco provável. SE existir uma civilzãoção avançada ela provavelmente usará sinais de rádio ou algo assim para se comunicar, e esses sinais se espalham por todo o universo na velocidade da luz. A idéia do projeto é observar os sinais recebidos pela terra e procurar padrões nos mesmos de forma que sejam descobertos indícios de vida extraterreste. É questão de estarmos com os ouvidos abertos se algo chegar algum dia e é um método muito mais científico que ficar procurando OVINIs nos céus.

    PS: eu adoro contato e eram 8 horas mesmo :mrgreen:
     
  14. Digo_s

    Digo_s Olifantástico

    Eu nao conheçia a navalha, achei ela bem legal, mas não se aplica a tudo!

    A solução mais simples para tudo seria usar Deus como explicação! :mrgreen:

    Essa navalha parece mais uma coisa pra popar tempo das pesquisas, afinal, se vc tem duas hipoteses para resolver um problema, testar a mais facil antes é muito melhor, mais rapido e pratico!

    Essa navalha me pareceu muito boa pra ser usada no caso q o engethor disse la em cima, quandos e tem duas soluções para o mesmo problema, pra usar a mais complicada?

    Um lugar em q a navalha deveria ser usada é no sistema burocratico dos governos de hoje em dia!
     
  15. Logan Mcloud

    Logan Mcloud Usuário

    kaji, filho vc sabe como um computador faz conta de dividir??? eh MUITO mais complexop q vc ou eu..... pois ele sabe apenas somar.... agora e e o ser humano dá umas voltas semelhandtes as do computador para fazer contas q em outras formas de matematica serim simples ??? ja pensou nisso?? vc ja viu quantos graus tem um triangulo em um plano curvo?? e se as teorias se basearem em planos curvos??? a verdade eh sempre uma questao de ponto de vista se lembre sempre disso....

    abraços Dwarf
     
  16. Vatho

    Vatho Usuário

    Não sou muito fã desse livro que virou filme. Num determinado ponto citam matemática como uma linguagem e no STR vi uma porção de cético de fundo de quintal achando que matemática nada mais é que uma "linguagem universal" e não uma ciência. Uma "ferramenta" para ser usada por outras ciências, como a física, mas isso não tornaria a matemática uma ciência. Foi de doer, masno final cairam em contradição e foi lindo! ahahahahaha
     
  17. Kaji

    Kaji Usuário

    Eu entendo que é relativa a simplicidade de uma solução perante o tipo de processo que o sistema(que pode ser a mente humana, um computador etc.) faz mais facilmente.
    Soluções matemáticas mais simples para a mente humana podem não ser tão simples para um alienígena que, se seguir a Navalha de Occam, optará por um caminho matemático diferente, mas lembre-se que os dois caminhos, se trilhados corretamente, levarão à mesma solução pois a lógica resultante matemática é universal, não importa quanto trabalho o sistema tenha para isso. Um computador pode ter um trabalho enorme para dividir variáveis, talvez maior que a mente humana, mas mesmo tendo ambos os sistemas(a mente humana e o computador) fazendo processos de formas diferentes a solução se manterá a mesma, ou o resultado da divisão irá variar dependendo do trabalho do sistema? A Navalha, sendo usada em um processo somente matemático, simplesmente servirá para poupar o trabalho do sistema.
     
  18. Omykron

    Omykron far above

    a advogada da ellie dps pergunta para os inspetores governamentais, do pq q a fita tem mais de 16h de gravação continua.... ja que quando a nave se desprendeu ligava automaticamente a fita?!

    ai a navalha naum falha.... ela simplesmente naum pode ser utilizada... ja q a logica eh q falhou, mas outra coisa mostra q tudo funcionou.... mas naum como esperavam
     
  19. Logan Mcloud

    Logan Mcloud Usuário

    mas kaji lembre-se q segundo a navalha de occan o mais simples eh o certo.... ntao voltamos ao meu primeiro post aki.... muito embra a teoria sobre a navalha de occan seja muito intereçante ela nao poder ser utilizada em coisas matematicas q podem estar certas mesmo sendo muto trabalhosas.... como vc disse muito bem no seu post.....

    abraços Dwarf
     
  20. Kaji

    Kaji Usuário

    O mais simples eh o que "provavelmente" dará certo segundo a navalha. Mas eu concordo com vc, a navalha simplesmente servirá para poupar trabalho em teorias matemáticas. Ela pode ser usada mas não servirá para dar um caminho correto à teoria no caso de um dilema. Seria como um princípio de programação.
     

Compartilhar