1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

A Língua Exilada (Imre Kertész)

Tópico em 'Literatura Estrangeira' iniciado por Meia Palavra, 8 Abr 2011.

  1. Meia Palavra

    Meia Palavra Usuário

    “Uma escrita que sustenta a vivência frágil do indivíduo contra a arbitrariedade bárbara da história.” Assim a Academia Sueca de Literatura justificou, em 2002, a escolha do escritor húngaro Imre Kertész para ser galardoado com o Prêmio Nobel.

    Ele escreveu inúmeros livros sobre o Holocausto e sobre o domínio soviético do Leste Europeu, duas situações especialmente presentes em sua vida: de origem judaica, em 1943 foi enviado para Auschwitz e, liberto, permaneceu na Hungria controlada pelos comunistas.

    Além de escritor, Kertész pode ser considerado como um dos principais pensadores de nosso tempo. Ele tem, afinal, uma visão privilegiada dos principais acontecimentos históricos do século passado- tendo sobrevivido aos dois totalitarismos mais poderosos já presenciados. Parte disso pode ser conferido no livro A Língua Exilada, um conjunto de ensaios e conferências do escritor, jornalista e tradutor.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

     

Compartilhar