1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

A Criminalidade é culpa de quem?

Tópico em 'Atualidades e Generalidades' iniciado por Ar-Rick, 13 Nov 2007.

  1. Ar-Rick

    Ar-Rick Back to life!!!

    Proponho a seguinte discussão: quem é o culpado, ou os culpados pela criminalidade no país? E qual(is) a(s) melhor(es) forma(s) de acabar, ou pelo menos reduzir a níveis quase nulos, a criminalidade?
     
  2. Elring

    Elring Depending on what you said, I might kick your ass!

    Ih... esse negócio de apontar culpados vai longe e é muito cansativo. Não começou neste século e duvido que esteremos todos vivos quando a criminalidade atingir níveis quase nulos, como você deseja. Construir cadeias, tornar mais rígida a Lei e impedir o incentivo do consumo de entorpecentes não mudará a cabeça das pessoas e nem as tornará mais civilizadas. Talvez daqui a vinte ou cinquenta anos algo mude.
     
  3. Ar-Rick

    Ar-Rick Back to life!!!

    É pra isso que estamos aqui!:D
     
  4. Radagasth

    Radagasth Banned

    Receio que quando não elegemos um bom candidato, quando deixamos de protestar.
    Fazer acontecer. O brasil está precizando de uma sacudida.
    O Brasileiro é um povo acomodado, nós nos acomodamos a coisas horrendas como morte e assassinatos.
    Isso ficou tão banal qua damos tão pouca atenção, quero dizer somente nos primeiros minutos do jornal. Então dizemos:
    "Que horror, como um ser humano pode fazer algo desses..?"
    Mas depois, vm o comercial e esquecemos nossos pensamentos revoltosos, e acomodamos em nossos Sentimentos Primitivos.
    Banalidade, tudo ficou tão banal que achar o culpado por tudo isso fica extremamente dificil.
     
  5. Primula

    Primula Moda, mediana, média...

    Resolver os problemas não significa encontrar culpados. Significa ver onde há o vazamento de gás, para que quando alguém acender fósforos a coisa não exploda.

    Duas coisas que não precisam ser feitas com estardalhaço (dissipação de energia de forma inútil).

    Porque o papel do cidadão termina na urna? Um patrão quando contrata alguém, o empregado acha que passou pelo pior e que agora está garantido?

    Antes de pensar em acomodação, o problema real é memória.

    Ironicamente os poucos que votam direito são os taxistas malufistas: eles tem razão de continuar votando naquela coisa.
     
  6. Elring

    Elring Depending on what you said, I might kick your ass!

    Resolver todo mundo quer e grita, mas quantos estão dispostos a mudar radicalmente este país e pensar como cidadãos ao invés de "povão"? Veja quantos candidatos eleitos pelo povão estão no Congresso, nas Câmaras Municipais e como eles mudam rapidamente de opinião e de ideologia quando recebem seus polpudos honorários. A própria Justiça é o maior exemplo de alienação total para com o cidadão. Sim, os Magistrados reclamam que só seguem a Lei e mimimi... mas quantos deles estão empenhados em torná-la menos conivente com quem possui Fórum Privilegiado ou Doutorado. Porque a nossa Lei não é tão firme como o Código de Defesa do Consumidor ou de Crimes Ambientais? Se a Justiça fosse imparcial, como ela mui enganosamente proclama, uma boa parte de nossas mazelas seriam sanadas.

    Só que pra fazer essas mudanças, alguém tem de perder ou abrir mão de algum benefício...
     

Compartilhar