1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

A ciência estraga a ficção?

Tópico em 'Generalidades Literárias' iniciado por Anica, 29 Jul 2009.

  1. Anica

    Anica Usuário

    É um tópico de caráter mais lúdico, mas se resolverem levar o tema a sério e discutir, sigam em frente. Mas dias desses estava cá pensando em grandes obras que não existiriam (ou pelo menos não se passariam) nos tempos atuais simplesmente porque os avanços científicos acabariam esculhambando algum ponto importante do enredo.

    Exemplo: Dom Casmurro. Capitu traiu ou não traiu? Leva no Ratinho e faz exame de DNA para saber, oras bolas.

    Vocês conseguem pensar em outras situações parecidas com essa? =]

    (Em tempo: sou fã de avanços científicos, adoro meu chuveiro com água quente e meu computador. Então não, esse tópico não é uma ode ao atraso tecnológico, é só uma constatação de que certas histórias simplesmente não aconteceriam nos dias de hoje...)
     
  2. imported_Rafaela

    imported_Rafaela Usuário

    Acho que um exemplo seria O Fantasma da Ópera, sei lá, hoje existe plástica, era só ele fazer uma plástica e Christine iria escolher ele e não o Raul.
     
  3. imported_Ariane

    imported_Ariane Usuário

    A Aurélia (Senhora - José de Alencar) ia ter que arrumar um outro jeito de comprar o noivo dela. Talvez com um Audi, quem sabe... :rofl:
     
  4. Izze.

    Izze. What? o.O

    Hauahau xD

    Olha, acho que o avanço tecnológico e da ciência só veio a acrescentar mais. Mais coisas para se basear para uma história e tal. Mesmo essas histórias citadas sendo escritas hoje poderiam ter o mesmo fim por conta das "complicações" na história que fazem ela ser uma história. Exemplo: o Ratinho estar fora do ar, o Fantasma da Ópera não ter dinheiro pra pagar uma plástica. Acho que a Aurélia compraria o noivo com mais dinheiro, um Pay-per-view do Brasileirão e um engradado de Heineken e tals... =B
     
  5. Ramalokion

    Ramalokion Mecha-de-Folha

    Hummm... não sei "estraga" seria a palavra certa. Até pq olha só Anica: dos exemplos que vc e os outros citaram TODOS são antigos, e as tecnologias citadas como "estragadoras" ainda não existiam.

    Ou seja: Hoje a ficção feita é baseada nos nossos avanços atuais, daqui algumas décadas serão ultrapassadas. Hoje vc não dá pra escrever algo em que alguém tenta falar com outra pessoa 9em qualqeur lugar, a qualuquer hora) sem que vc OBRIGATORIAMENTE dê uma desculpa do pq o celular não funciona....

    Quer dizer, pra quê cargas d'água macacos criariam um infante lord inglês se bastaria pegar a caixa preta pra ver onde caiu o avião? Pra quê aquele famoso detetive consultor inglês perderia tempo pensando sobre soluções se DNA, digitais e cameras de vigilância responderiam mais rápido?
     
  6. Anica

    Anica Usuário

    você não entendeu a proposta do tópico, rama. a ideia é justamente situar obras que só poderiam existir em outros tempos, porque naquela época os avanços citados ainda não existiam. é como você colocou "Pra quê aquele famoso detetive consultor inglês perderia tempo pensando sobre soluções se DNA, digitais e cameras de vigilância responderiam mais rápido?" é o tipo de coisa que só fazia sentido na inglaterra vitoriana, hoje em dia com novas tecnologias, a história não teria razão de ser.
     
  7. JLM

    JLM mata o branquelo detta walker

    acho q a maioria das histórias da agatha christie ficariam simplórias, ñ dariam nem um episódio de csi.
     
  8. Alisson P.

    Alisson P. Usuário

    Pensei nisso também. Já tentaram adaptar um dos livros dela para os tempos atuais, mas foi um completo fiasco.
     
  9. Thorondir

    Thorondir Usuário

    Não é ciência, mas acho que os Capitães da Areia seriam muito mais violentos, provavelmente não se encantariam com a
    greve dos doqueiros
    e sim com o tráfico.
     
  10. Pescaldo

    Pescaldo Penso, logo hesito.

    Dom Quixote seria bem mais frustrado.
     

Compartilhar