1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

"A Busca do Graal" - Bernard Cornwell

Tópico em 'Literatura Estrangeira' iniciado por Katrina, 27 Set 2009.

?

Que nota você dá à trilogia?

  1. 5

    100,0%
  2. 4

    0 voto(s)
    0,0%
  3. 3

    0 voto(s)
    0,0%
  4. 2

    0 voto(s)
    0,0%
  5. 1

    0 voto(s)
    0,0%
  6. 0

    0 voto(s)
    0,0%
  1. Katrina

    Katrina Usuário

    Não encontrei nenhum tópico falando sobre esta trilogia então venho cá propor uma discussão sobre ela. Bernard Cornwell, como muitos já devem sabem, é um autor inglês famoso por seus romances históricos. É o conhecido autor de uma das melhores trilogias sobre o Rei Artur já escritas (achismo meu!).

    Bem, mas do que se trata a trilogia "A Busca do Graal":

    O Arqueiro, O Andarilho e O Herege compõem a trilogia.

    Como sempre o autor se destaca nas descrições das batalhas e mesmo Thomas (seu protagonista) não tendo todo o carisma de Rei Artur ou de Derfel, ele tem lá seu encanto.
    Eu estou terminando de ler a trilogia e já quase posso afirmar que os meus livros favoritos são o primeiro (devido a parte psicológica dos personagens, que é muito bem trabalhada) e o último (ainda que não tenha terminado, o que já li promete muito e dos três é o que permite uma leitura mais ágil e prazerosa).

    Quero saber a opinião de vocês. O que acharam desta trilogia? Quais seus livros favoritos?
     
  2. kika_FIL

    kika_FIL Usuário

    Eu ADORO a trilogia do Graal.. e Thomas de Hookton é um dos meus personagens preferidos do Cornwell. (se bem que é até ingrato escolher um personagem favorito na obra dele)...mas não consigo escolher um livro como o melhor... para mim é uma história só em três partes...

    Eu admiro tremendamente a maneira dele de descrever o treinamento do homem e os detalhes do campo de batalha, bem como na construção do personagem, que amadurece com o tempo. Sem contar a ironia da religião naquele contexto..enfim, ADORO
     
  3. Ramalokion

    Ramalokion Mecha-de-Folha

    Thomas é um persongem bem rico, entretanto ele sofre de um problema gravissímo ( e o mesmo se aplica a Trilogia do Graal para com as Crônicas de Arthur): depois das Crônicas de Arthur, qualquer outra obra do Cornwell será ofuscada.

    É bom, é divertido, pra quem gosta das batalhas, pra quem viajou com o relato de Derfel VALE muito a pena. Ótima trilogia, cada livro tem qualidades próprias e o conjunto não fica abaixo. MAS... tem um gosto de "mais do mesmo" que acaba por fazê-lo cair na pontuação "3 - Igual Pastel de feira: tem um sabor todo especial, se puder não perca a chance; mas não é essencial em sua vida!!".
     
  4. Katrina

    Katrina Usuário

    Acabei de ler a trilogia, e bem, a minha favorita ainda continua sendo a do Rei Artur, mas o Thomas também tem lá o seu charme. :sim:

    É ansioso, mete os pés pelas mãos (em algumas situações), mas também tem muita sorte (e bota sorte nisso). Acabou confirmando minhas expectativas, e o terceiro junto com o primeiro são os meus favoritos.

    Pena que o fim
    sobre o que era o Graal, já tinha sido entregue a muito tempo, quando Thomas jogou a tigela de barro fora da primeira vez. Pelo menos em nenhum momento depois daquilo achei que o Graal pudesse ser outra coisa... Apesar disso, fechou de forma ótima o romance!
     
  5. kika_FIL

    kika_FIL Usuário

    Acho a parte mais impressionante do fim exatamente isso
    ele ter JOGADO FORA o Graal, achei isso muito interessante, ele deixa mesmo claro que aquele é o Graal no primeiro livro... mas ele ter se desfeito do graal é algo que dá o que falar,...

    Não acham?
     
  6. Lucas_Deschain

    Lucas_Deschain Biblionauta

    Não li todos os livros da trilogia, li somente o primeiro, mas posso dizer que ficou aquém das minhas expectativas. Espero que nos próximos dois volumes (que lerei nem imagino quando) a forma com que a história é contada mude um pouco, já que, se a história não está tendo batalhas e embates armados, Cornwell faz chover dados e mais dados, deixando o leitor (pelo menos eu) um pouco confuso e fazendo com que a história perca o ritmo.
     
  7. kika_FIL

    kika_FIL Usuário

    Sei lá, Lucas, eu me envolvo nos dados e mais dados e devoro os livros dele (foram raros - inexistentes- os que duraram mais de uma semana), eu sou daquelas pessoas para quem os detalhes ajudam a puxar pra dentro da história, e a vive quase em primeira pessoa... e ele consegue fazer isso comigo...de novo e de novo e de novo, e a cada livro. Mas não tenho como discordar. O cara é detalhista. bastante
     
  8. Katrina

    Katrina Usuário

    Eu também tenho que confessar que adoro livros detalhistas, principalmente aqueles em que a linha narrativa não é quebrada por tanta informação. Cornwell faz isso muito bem, ele fornece dados substanciosos que servem para situar o leitor e tornar a leitura mais envolvente. Adoro!
     
  9. Até o momento, só li os dois primeiros volumes e gostei muito, principalmente do detalhismo na descrição das batalhas e o fato do Cornwell não idealizar demais os seus personagens com ideais superiores de heroismo e etc e tal. Observei porém, não só aqui, um pessoal que acabou não gostando da trilogia, que fica aquém de outras obras dele e demais justificativas. Como eu só li mesmo esses livros do autor, não posso utilizar os outros como parâmetro, mas ainda assim, considero uma boa leitura.
     
  10. Amei a trilogia, lembro-me que foi a primeira trilogia que li e não preciso comentar a habilidade de Cornwell para escrever. Também gosto dos detalhes, de um jeito singelo ele te transporta para o meio da batalha, a ponto de gritar junto com os arqueiros ingleses nas guerras. Estou caminhando para as Crônicas de Artur, com certeza deve ser explendorosamente massa!:rofl:

    -----

    Amei o final!
     
  11. imported_Galahad

    imported_Galahad Usuário

    Eu gostei muito da trilogia, e adoro os detalhes históricos, todos batem com a realidade, isso gera um ganho cultural muito grande...
     
  12. Gustavo Campello

    Gustavo Campello Usuário

    Não li, mas lerei, descobri Cornwell a pouco tempo
     
  13. Marcileia

    Marcileia Usuário

    Terminei de ler O Arqueiro ontem e confesso que gostei muito, da história, de como ela é contada, da forma como foi escrita, dos detalhes que fazem com que estejamos nos campos de batalhas e acampamentos junto com os personagens...
    É o primeiro livro do Cornwell que leio e não quero abandonar esse autor tão cedo...
     

Compartilhar