1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

A balada de Beren e Lúthien no SdA e o estilo Ann-Tenath

Tópico em 'J.R.R. Tolkien e suas Obras (Diga Amigo e Entre!)' iniciado por Meglin Celebrandir, 14 Mai 2009.

  1. Meglin Celebrandir

    Meglin Celebrandir Hansi Ilúvatar

    Bem, estou relendo A Sociedade do Anel, agora com mais conhecimento de causa e mais atenção. Tenho encontrado alguns pontos interessantes pra discutir aqui no fórum e este é o primeiro deles:

    No capítulo "Uma Faca no Escuro" Passolargo conta aos Hobbits, a pedido de Sam, a história de Beren e Lúthien. Ele cantou uma canção contando a história e disse que esta canção era apenas um resumo, pois a canção completa é demasiadamente longa.

    E Passolargo completa:

    Bem, daí vem minha dúvida. Do que se trata esse estilo Ann-thennath?? Confesso que nunca ouvi falar disso!

    Se alguém souber, me ajude! Se por algum acaso este tópico deveria estar na área de línguas, movam. Confesso que pensei em postar lá, mas realmente não sei se ann-thennath tem algo a ver com línguas....
     
    • Ótimo Ótimo x 1
  2. Herr Bauer

    Herr Bauer Filho de Aulë

    Re: A balada de Beren Lúthien no SdA e o estilo Ann-Tenath

    Boa pergunta! Eu também não! :obiggraz:

    Procurei no :google: e encontrei
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    página. Parece ter a informação mais completa sobre esse termo.

    Ou seja, não se sabe direito o que é. :lol:
    Pelo jeito, é só um estilo métrico de estruturação de poemas/versos usado pelos elfos, mas o Professor não se aprofundou muito nesse tema.

    Eu diria que o ann-thennath seria uma espécie de parnasianismo, com regras de forma, conteúdo, ritmo e estrutura fixa, mas aí é só especulação minha. :roll:
     
  3. Imrahil

    Imrahil Kyknos kyknón

    Re: A balada de Beren Lúthien no SdA e o estilo Ann-Tenath

    Parnasianismo não deve ser uma comparação muito boa pq essa é toda uma escola artística, um jeito de escrever. Parece que a comparação correta é com um soneto, ou a oitava-rima dos Lusíadas, ou um triolé. É uma forma fixa, uma regra pra métrica, estrofes e (talvez) rima.

    Abração,
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  4. Sindar Princess

    Sindar Princess Que deselegante...

    Re: A balada de Beren Lúthien no SdA e o estilo Ann-Tenath

    Não existe uma "Balada de Beren e Lúthien" completa por aí?
    Acho que li uma vez... não sei onde...
    É super longa, mas lindíssima!
    Será que eu tô sonhando? Eu juro que já li... :roll:
     
  5. Imrahil

    Imrahil Kyknos kyknón

    Oi Sindar,

    Existe sim, está nos HoMe, no livro chamado "The Lays of Beleriand". Mas está incompleta, apesar de centenas de versos. Foi escrita em pentâmetro iâmbico (decassílabo) rimado, com rimas A-A, B-B, C-C... mas acho que a versão original em élfico não devia ser assim ;-)

    Abração,
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  6. ARABAEL

    ARABAEL Ema Infame e

    Vai encontrar ela completa no terceiro livro da série The History of Middle-earth, a balada é um poema sonoro ou cantado como dizem por aí. Em 1985 a balada foi publicada postumamente em The Lays of Beleriand, o terceiro volume da série The History of Middle-earth. As duas versões do poema são dadas como independentes, e o desenvolvimento deles é comentado com detalhes por Christopher Tolkien. Uma versão está em prosa.


    *neste link aqui tem um trecho, digo trecho porque não está completo, só que está em inglês.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  7. Tilion

    Tilion Administrador

    Não existe versão completa da Balada de Leithian porque Tolkien nunca terminou o poema.
     
  8. Herr Bauer

    Herr Bauer Filho de Aulë

    Re: A balada de Beren Lúthien no SdA e o estilo Ann-Tenath

    Exatamente, Hyoga (posso te chamar assim? :obiggraz:). Eu não quis me referir à escola, mas ao estilo adotado por seus adeptos, só que o sono não me deixou escrever direito.

    Eu até gostaria de ler a Balada, mas eu não sou muito de poemas. Esses textos decorados e floreados, cheios de metáforas e construções estranhas não fazem o meu estilo. :blah:
     
  9. Ondon Rincewind

    Ondon Rincewind Usuário

    Não sei porquê, mas sempre vejo a Balada de Beren e Lúthien como algum poema do Walt Whitman. Profundo, emocionante, com um idealismo que normalmente é utópico por trás e com sonoridade. E como fundo musical, sempre imagino alguém tocando Green Sleaves :P. Como é romântica, e os mais conhecidos sonetos são românticos, prefiro ver a Balada de Beren e Lúthien como um soneto. :D

    Ah, sim, gostaria de emendar uma pergunta: não há nenhuma previsão, boato da tradução das HoME, ou até mesmo do lançamento delas no Brasil? Porque comprá-las com o preço da importação é fogo...
     

Compartilhar