1. Caro Visitante, por que não gastar alguns segundos e criar uma Conta no Fórum Valinor? Desta forma, além de não ver este aviso novamente, poderá participar de nossa comunidade, inserir suas opiniões e sugestões, fazendo parte deste que é um maiores Fóruns de Discussão do Brasil! Aproveite e cadastre-se já!

Dismiss Notice
Visitante, junte-se ao Grupo de Discussão da Valinor no Telegram! Basta clicar AQUI. No WhatsApp é AQUI. Estes grupos tem como objetivo principal discutir, conversar e tirar dúvidas sobre as obras de J. R. R. Tolkien (sejam os livros ou obras derivadas como os filmes)

Clube de Leitura 11º Livro: O Idiota (Fiódor Dostoiévski)

Tópico em 'Generalidades Literárias' iniciado por Clara, 1 Mar 2015.

  1. Clara

    Clara Que bosta... Usuário Premium

    Através de indicações e enquete, que podem ser conferidas
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    , o 11º livro escolhido para o Clube de Leitura Valinor foi O Idiota, de Dostoiévski.

    Informações e regras de participação no Clube podem ser lidas no tópico
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
    .
    O cronograma será postado em breve (ainda esta semana) e as discussões começarão na segunda semana de março, 09/03/2015.

    Enquanto isso, dados, curiosidades e informações sobre autor e obra podem ser postados livremente no tópico.

    Como sempre procurem tomar cuidado e não postem links suspeitos ou informações sobre pirataria.

    CRONOGRAMA:

    09/03 - 1ª Parte - Capítulo I até Capítulo VII
    16/03 - 1ª Parte - Capítulo VIII até Capítulo XVI
    23/03 - 2ª Parte - Capítulo I até Capítulo VI
    30/03 - 2ª Parte - Capítulo VII até Capítulo XII
    06/04 - 3ª Parte - Capítulo I até Capítulo VI
    13/04 - 3ª Parte - Capítulo VII até 4ª Parte - Capítulo IV
    20/04 - 4ª Parte - Capítulo V até Final
     
    Última edição: 7 Mar 2015
    • Gostei! Gostei! x 1
  2. Spartaco

    Spartaco James West

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    Fiódor Dostoiévski redige o romance O idiota no estrangeiro, entre os anos de 1867 e 1868, iniciando-o em Genebra e concluindo o seu trabalho em Florença. Foi publicado em 1868, quase dois anos após ter publicado Crime e Castigo e em fascículos na revista Rússkii Viéstnik ("Mensageiro Russo").

    Durante esse período na Europa, em companhia de sua segunda esposa Anna Grigorievna Dostoiévskaia, a vida do casal passa por momentos difíceis, embora sem as pressões dos credores, que deixaram na Rússia. Entretanto, enquanto escreve seu novo romance, Dostoiévski e sua esposa veem-se obrigados a mudar várias vezes durante este período. Além disso, uma tragédia também se abate no casal, pois sua primeira filha morre pouco tempo depois de nascer. Assim, a produção de O idiota dá-se em meio a muitas turbulências.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)

    O idiota foi um imenso sucesso editorial. A crítica em geral o recebeu muito bem, alguns até efusivamente, mas, como todos os romances anteriores de Dostoiévski, também esbarrou em vozes discordantes. Essa crítica considerou o Principe Míchkin uma personagem irreal. A esse tipo de crítica o escritor respondeu assim:


    Fontes:
    Wikipedia
    Prefácio do tradutor de "O Idiota", Paulo Bezerra (editora 34) e
    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)
     
    • Ótimo Ótimo x 1
    • Gostei! Gostei! x 1
  3. Vou poder participar dessa vez!
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  4. Spartaco

    Spartaco James West

    Eu tenho a obra em questão no terceiro volume (Romances da Maturidade) da Obra Completa de Dostoiévski, pela Editora Nova Aguilar, no qual ainda constam O jogador, O eterno marido e Os demônios. A tradução é de Oscar Mendes.

    Este conteúdo é limitado a Usuários. Por favor, cadastre-se para poder ver o conteúdo e participar (não demora e não possui custos)


    Mesmo ainda sem o cronograma da @Clara, já comecei a ler o romance.
     
    • Ótimo Ótimo x 1
  5. DiegoMP

    DiegoMP Usuário

    @Clara, tomei a liberdade de transcrever pra cá a ordem dos capítulos do livro. Acredito que as opções de aquisição da obra sejam somente Editora 34, Martin Claret, Nova Aguilar e José Olympio. Até onde me consta todos ficam ali entre 650-700pgs de maneira que não deve alterar muito a paginação de uma edição para outra. Creio que a partir disso só falta definir as datas para cada parte.

    Clara, depois que tu definir as datas eu apago aqui para evitar poluir o tópico e/ou deixar alguém perdido. :wink:
     
    • Ótimo Ótimo x 1
    • Gostei! Gostei! x 1
  6. Spartaco

    Spartaco James West

    @Clara, quando você vai postar o cronograma? Será que dá pra ler 10 capítulos por semana?
     
  7. DiegoMP

    DiegoMP Usuário

    Olhando pelo outros livros acho que 10 capítulos é muito, @Spartaco. Até agora não sei quem mais animou em participar, se acelerar muito creio que vá diminuindo a participação.

    O livro da Harper Lee girava em torno de 40-60pgs por semana, se formos encarar 10 capítulos vai dar 120pgs pra mais por semana. Na minha opinião, algo em torno de 80 páginas é mais tranquilo, 12 páginas por dia em uma semana não mata ninguém. Mas... o que vocês definirem aí eu leio e tento acompanhar. :joinha:
     
  8. Spartaco

    Spartaco James West

    Concordo @DiegoMP. Então creio que em torno de 7 ou 8 capítulos ficaria melhor; mas como você, como a @Clara resolver tá certo.
     
  9. Clara

    Clara Que bosta... Usuário Premium

    Que bom que o @DiegoMP informou os capítulos, porque meu exemplar de O Idiota que encomendei no Ponto Frio não chegou esta semana como eu esperava. :tsc:

    Mas fiquei com uma dúvida, Diego, na primeira parte você não informa o capítulo VIII (pula do VII pra o IX) você se confundiu?
    A numeração das páginas permanece a mesma?

    Então aqui vai o cronograma, que vou copiar no primeiro post, pra ficar mais fácil de achar. =]

    09/03 - 1ª Parte - Capítulo I até Capítulo VII
    16/03 - 1ª Parte - Capítulo VIII até Capítulo XVI
    23/03 - 2ª Parte - Capítulo I até Capítulo VI
    30/03 - 2ª Parte - Capítulo VII até Capítulo XII
    06/04 - 3ª Parte - Capítulo I até Capítulo VI
    13/04 - 3ª Parte - Capítulo VII até 4ª Parte - Capítulo IV
    20/04 - 4ª Parte - Capítulo V até Final
     
  10. DiegoMP

    DiegoMP Usuário

    Ops, perdão, @Clara, foi vacilo meu. É que o livro não possui índice, aí tive de sair catando as páginas na raça mesmo.

    O capítulo VIII da 1º parte tá na página 116. Pra variar eu vou estar um pouco atrasado mas até quarta ou quinta venho aqui dar minha impressão sobre a nossa primeira semana. Boa leitura, galera.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
    • Mandar Coração Mandar Coração x 1
  11. Spartaco

    Spartaco James West

    Como comecei antes do cronograma, já li os dez primeiros capítulos e estou gostando.
     
  12. Spartaco

    Spartaco James West

    O protagonista do livro é o Príncipe Liév Nikoláievitch Míchkin. Ele é descrito como alguém que passou a maior parte da vida terrivelmente enfermo, cuja puberdade parece ter sido atrofiada, por ser acometido por violentos ataques epilépticos.

    No começo desse romance, o Príncipe Míchkin está retornando para São Petersburgo, em um dos melhores estados de saúde que atingira até então, após vários anos em tratamento na Suiça com um médico que o havia praticamente adotado, a fim de entrar em contato com uma possível parenta sua, a Generala Iepántchina. Ao estabelecer relação com a família desta, o príncipe se envolve em uma série de infortúnios.

    Outro ponto interessante a destacar neste início, é que já dá para perceber que o nosso autor nos narra inúmeros episódios que funcionam como histórias dentro da história principal, e logo em um dos primeiros capítulos aparece um desses momentos, que tem grande importância, por ser autobiográfico: os suplícios de um condenado à morte e que, como o próprio Dostoiévski, escapa da pena capital nos últimos instantes.
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  13. DiegoMP

    DiegoMP Usuário

    Nosso príncipe parece uma pessoa de simpatia ímpar, não? Perdeu os pais ainda cedo e foi adotado praticamente duas vezes. Primeiro na Rússia (pelo professor, é isso?) e mais tarde pelo médico na Suíça.

    Saudades de Dostoiévski e esses nomes que eu mal posso citar sem ter de consultar o livro. Como sempre há alguns significados em alguns nomes. Um que eu gostei foi o da filha do meio dos Iepántchina, entre as notas de rodapé da 34 cita que a raiz do nome dela vem do grego e significa aquele que passa despercebido, ou algo do tipo, e como é de se esperar parece ser a filha de menor relevância entre as três. Não sei se elas possuirão alguma importância futura (ainda estou no capítulo V).

    Outra nota de rodapé bacana foi quando começa a discussão do príncipe com o criado da casa dos Iepántchina, ele comenta sobre as penas de morte na França e cita que na Rússia elas já não existiam mais naquela época. A nota cita que isso não é verdade, mas foi optado por isso para escapar de qualquer censura, de maneira que quando se criticasse as execuções pareceria estar se referindo aos franceses e não à Rússia. E também pelas mesmas páginas gostei do tom irônico com que o príncipe questiona se havia qualquer homem que tenha escapado da execução depois que esta tivesse sido dirigida a alguém.

    Outro detalhe legal é que os servos eram também chamados de almas. Também está assim na edição de vocês?
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  14. Spartaco

    Spartaco James West

    @DiegoMP, pelo jeito essa sua edição (da editora 34) é bem legal, né? Quanto à sua pergunta, pelo que me lembro dos primeiros capítulos, no meu livro não chamam os servos de almas. No entanto, como a tradução de seu livro foi feita direto do russo, deve estar mais correta.
     
  15. Morfindel Werwulf Rúnarmo

    Morfindel Werwulf Rúnarmo Geofísico entende de terremoto

    O livro Almas Mortas de Gogol se refere justamente aos servos mortos.
     
  16. Spartaco

    Spartaco James West

    O que os nossos amigos que escolheram o romance, ora em análise e objeto deste Clube de Leitura, tem a dizer dos primeiros capítulos dessa obra? Tirando o @DiegoMP, que já falou a respeito, os demais, @Deriel, @Salgueiro-homem e @matheus apc, estão gostando?

    E os outros amigos foristas, que não votaram no livro em questão, estão lendo O Idiota?
     
  17. Salgueiro-homem

    Salgueiro-homem Usuário

    Desculpe! Eu adoro Dostoiévski, mas ainda não pude começar a ler. (estou terminando as correções de minha dissertação de mestrado, se bem que perco muito tempo na net tbm sorry :hxhx::hxhx::hxhx:)
    Contudo já comprei e certamente irei ler pra entrar na brincadeira! Sorry :(:(:(:(
     
    • Gostei! Gostei! x 2
  18. Spartaco

    Spartaco James West

    @Salgueiro-homem, legal que você tem interesse em participar, pois quanto mais gente trocando idéias e discutindo sobre o livro melhor; só não demore muito para poder seguir o cronograma da @Clara.

    Abraço.
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  19. -Jorge-

    -Jorge- mississippi queen

    Só avisando que pretendo participar também, apesar de não ter votado (não consegui decidir entre esse e O Jardim Secreto). E não participei do último por falta de tempo =/
     
    • Gostei! Gostei! x 1
  20. Spartaco

    Spartaco James West

    Legal @-Jorge- ! Você já tem o livro ou ainda vai ter que comprar?
     

Compartilhar