Arquivo da categoria: Elenco e Equipe

Stephen Fry diz adeus ao O Hobbit

O ator britânico Stephen Fry já terminou sua participação em O Hobbit, divulgou o próprio ator em sua conta no Twitter, segundo o neozelandês Stuff.co.  “Ufa! Muita emoção depois de filmar minha última cena para O Hobbit. Preparando-me para voltar para casa no fim de semana”, declarou na quarta-feira passada. Sua festa de despedida foi neste domingo, em Wellington, NZ.

Fry é o quinto ator a encerrar sua parte no(s) filme(s), seguido de Benedict Cumberbatch (Smaug), Elijah Wood (Frodo), Sir Ian Holm (Bilbo idoso) e Sir Christopher Lee (Saruman), que disse ter feito suas cenas em quatro dias, em Pinewood Studios, arredores de Londres. Também é muito provável que Ryan Gage também tenha terminado sua participação junto com Fry, já que seu papel é estreitamente ligado ao dele: Fry interpreta o Senhor da Cidade do Lago, e Gage seu assessor, Alfrid.  

Por falar na Cidade do Lago, vazaram mais duas imagens de uma de suas construções. As fotos foram tiradas por um repórter do neozelandês The Dominion Post/Stuff, no feriado de Páscoa, depois que um falso alarme de incêndio nos estúdios foi divulgado.  Para quem acompanha a Valinor, as imagens não são novidade, já que divulgamos outras imagens da mesma construção em madeira, cujo furo foi do fansite alemão HerrDerRinge-film. Porém, pode-se notar o ótimo trabalho que os profissionais da Weta Workshop fizeram para deixar o prédio com a aparência muito rústica e precária. Veja mais fotos dos sets de Esgaroth, a Cidade do Lago, na galeria do Herr der Ringe.

Clique para ampliá-las:

 

Imagens dos sets de Valle, além de brinquedos e novos personagens de O Hobbit!

Ruínas de Valle, por Alan Lee

Depois de conseguir imagens exclusivas dos sets de Esgaroth, a Cidade do Lago, o fansite alemão Herr Der Ringe-film divulgou, novamente com exclusividade, imagens da construção dos sets de Valle (Dale), o reino dos Homens que fica aos pés da Montanha Solitária, e que foi destruído pelo Dragão Smaug. CLIQUE AQUI (atendendo a um pedido dos responsáveis pelo site, as imagens não serão postadas aqui) e veja as imagens dos sets, cuja arquitetura lembra as construções mediterrâneas e românicas.

Além disso, e ainda de acordo com o fansite alemão, a loja de brinquedos BigBadToyStore divulgou uma série de figuras de O Hobbit, cujo fabricante será a empresa  The Bridge Direct. Ainda não há imagens, apenas a lista de alguns produtos e personagens, mas com ela pode-se especular que novos personagens ainda vão aparecer no filme.

 

Bilbo Bolseiro de SdA, da extinta ToyBiz

Entre eles, o orc Bolg, filho de Azog (Conan Stevens) que lidera o exército de orcs na Batalha dos Cinco Exércitos. Este personagem não chegou a ser divulgado por Peter Jackson, mas haverá um Pack “Gandalf & Bolg”, sugerindo que algum confronto entre o mago cinzento e o líder orc poderá ser visto no segundo filme, O Hobbit: Lá e De Volta Outra Vez.

Reveladoras também são as figuras intituladas “Fimbul (Orc) with Worg” (provavelmente um erro de ortografia, o correto seria “Warg”). Fimbul é um nome que não ocorre no livro O Hobbit, mas, como o Uruk Lurtz (O Senhor dos Anéis), deve ter sido criado exclusivamente para o(s) filme(s). Outro nome que não aparece no livro é “Grinnah”, mas haverá uma figura com este nome, sugerindo então mais um personagem criado pelos cineastas e que talvez tenha alguma relevância na trama cinematográfica. Ah, sim, não esqueceram nem da elfa Tauriel (Evangeline Lilly), como você pode conferir na lista completa abaixo, que traz a maioria dos personagens importantes, mas ainda não todos:

  • 3.75” Goblin King Playset ($44.99)
  • 3.75” Deluxe Beast Pack Series 1 – Goblin King with Thorin ($32.99)
  • 3.75” Collector Pack – Bilbo, Thorin, Dwalin, Kili, Fili ($29.99)
  • 3.75” Beast Pack Series 1 – Fimbul (Orc) with Worg* ($19.99)
  • 3.75” Deluxe Battle Pack Series 1 – Bolg & Gandalf ($17.99)
  • 3.75” Figure Two-Pack Series 01 – Bilbo Baggins & Gollum ($14.99)
  • 3.75” Figure Two-Pack Series 01 – Legolas & Tauriel ($14.99)
  • 3.75” Figure Series 01 – Bilbo Baggins ($9.99)
  • 3.75” Figure Series 01 – Gandalf the Grey ($11.99)
  • 3.75” Figure Series 01 – Thorin Oakenshield ($11.99)
  • 3.75” Figure Series 01 – Legolas ($11.99)
  • 3.75” Figure Series 01 – Grinnah ($11.99)
  • 6” Deluxe Collector Figure – Azog ($21.99)
  • 6” Figure Series 01 – Thorin Oakenshield ($14.99)
  • 6” Figure Series 01 – Legolas ($17.99)
  • 6” Figure Series 01 – Tauriel ($17.99)
  • 6” Figure Series 01 – Bilbo Baggins ($17.99)
  • 6” Figure Series 01 – Gandalf the Grey ($17.99)

Benedict “Smaug” Cumberbatch já terminou sua parte em O Hobbit!

O ator inglês Benedict Cumberbatch – que pode ser visto nos recentes Cavalo de Guerra e O Espião que Sabia Demais –, falou à MTV sobre seu trabalho no épico O Hobbit, direto da cerimônia do Oscar 2012, e sobre o processo técnico envolvido na interpretação do dragão Smaug e do Necromante, além de sua relação com o elenco e equipe.

“Eu tive muita sorte [de trabalhar] com o Pete [Jackson]”, declarou inicialmente o ator.

Depois, Cumberbatch, que já terminou sua participação em O Hobbit, disse que não viu todas as filmagens porque trabalhou principalmente no estúdio gravando sua voz e movimentos para os personagens.

 “Quanto à experiência nesse projeto extraordinário, na época eu estava fazendo meu trabalho em isolamento, com ele [Peter Jackson] e com esta equipe incrível. E em um lugar muito legal, com essa tecnologia de captura de movimento fazendo dois personagens: Smaug, o dragão e outro personagem, que se manterá anônimo. É um processo maravilhoso”, acrescentou. “Passei muito tempo na gravação de voz, bem como na captura de movimentos, foi uma espécie de libertação. Foi divertido, foi como jogar video game”.

 Sobre sua expectativa para o prequel de SdA, disse:

“Vai ser um filme incrível e vai ser um verdadeiro deleite assisti-lo. Eu vi O Senhor dos Anéis de novo, antes de começar a trabalhar, e a forma como estes filmes crescem em profundidade e em todos os níveis, é extraordinário”.

O ator admitiu que o único problema que ele teve, enquanto esteve no set, foi manter uma cara séria quando viu seu amigo e co-estrela de Sherlock, Martin Freeman, no traje como o amável hobbit Bilbo Bolseiro.

 “Foi muito bom e eu comecei com ele, e fiz uma cara séria por um momento e então comecei a rir porque eu conheço o Martin, não conheço o Bilbo”. Cumberbatch disse com um sorriso.“Martin sentado lá e interpretando Bilbo foi incrível. Ele será incrível, ele estará fantástico neste filme”.

 Para encerrar, você pode ver uma entrevista que Cumberbatch concedeu ao Collider/Omelete, do início de janeiro, onde ele fala um pouco sobre Smaug. A entrevista tem aproximadamente 5:20 minutos de duração, na altura dos 3:50 minutos, o correspondente do Omelete em Los Angeles faz a pergunta sobre O Hobbit. Veja AQUI a entrevista legendada em português. De quebra você ainda pode conferir se Benedict Cumberbatch tem ou não a voz digna de um dragão (na verdade é muito digna!).

 O Hobbit: Uma Jornada Inesperada tem estreia mundial prevista para 14 de dezembro de 2012.

Liberado o 6º Videoblog da produção de O Hobbit!

Como havia prometido, o diretor e produtor Peter Jackson anunciou em sua página no Facebook um novo vídeo da produção de O Hobbit. Este é o sexto da série e o segundo dedicado às locações exteriores na Nova Zelândia, que empresta suas belas paisagens naturais para a Terra-média do cinema. O material é, como sempre, medianamente revelador, mas é sempre emocionante descobrir o que há por detrás de uma superprodução como esta!

Confira o novo videoblog, diretamente do Facebook, clicando em: Production Video #6: On location with THE HOBBIT (Part 2) , ou veja pelo YouTube. Também pode ver AQUI os outros 5 videoblogs legendados em PT-BR!

Mais fotos dos sets da Cidade do Lago e da Casa do Beorn!

Nesta semana foi divulgada uma fotografia dos atores ingleses Stephen Fry e Ryan Gage num dos cenários da Cidade do Lago. Fry e Gage estão trabalhando de forma estreita na adaptação de O Hobbit, pois suas personagens têm muitas cenas juntas. Fry é o corrupto e interesseiro Senhor da Cidade do Lago e Gage é Alfrid, seu assessor, uma personagem criada para a adaptação do livro de Tolkien, e não uma criação do autor. Aliás, esta é a primeira vez que Ryan Gage aparece em uma imagem relacionada ao O Hobbit.

Stephen Fry e Ryan Gage nos sets de Esgaroth

 Ainda sobre a Cidade do Lago, novamente vazaram imagens dos sets. Se anteriormente a imagem mostrava construções semi-acabadas (veja AQUI), agora elas aparecem já completas, incluindo uma ponte ou passarela que liga dois edifícios. Veja duas imagens completas dos cenários clicando AQUI e AQUI. Compare este cenário com esta famosa ilustração da Cidade do Lago, feita pelo artista conceitual Alan Lee. O furo é novamente do fansite alemão Herr Der Ringe-film.

Outro set que anda sendo muito divulgado por vias não oficiais é o correspondente à casa do Troca-peles Beorn. Desta vez foi o fotógrafo Tim Clayton que compartilhou imagens dos sets da casa do homem-urso. Nas novas imagens dos cenários, que já não existem mais, você pode ver o início da sua construção e as filmagens na locação. Acesse: Hobbit film set. Paradise Glenorchy e veja.

Para finalizar, diretamente de sua página no Facebook, o diretor Peter Jackson prometeu o 6º videoblog da produção para logo mais!

O Hobbit: as filmagens na Cidade do Lago já começaram!

Segundo o fansite alemão Herr Der Ringe-film, as filmagens em estúdio, referentes à Esgaroth, a Cidade do Lago, começaram nesta última semana. Com esta informação, o alemão divulgou também uma foto que vazou direto de Stone Street Studios, o complexo de estúdios de co-propriedade do diretor e produtor Peter Jackson, que fica na periferia de Wellington, Nova Zelândia.

A imagem (acima) mostra um pouco do que podemos esperar do visual das casas da cidade dos homens, construída sobre palafitas, no Lago Comprido. Pela imagem, notam-se construções em madeira, semi-acabadas e um pouco tortas. Clique aqui e veja a imagem completa.

 Em O Senhor dos Anéis – A Sociedade do Anel, de acordo com os extras da versão estendida do filme,  a construção da cidade de Bri também seguiu a ideia dos edifícios tortos, para criar uma atmosfera um pouco opressora para os hobbits. Será este o mesmo critério para Esgaroth?

Clique na imagem para ampliá-la

 

Além dessa imagem, o site divulgou outra (acima) da casa do Troca-peles Beorn, que foi construída em Glenorchy, Ilha Sul. A foto foi enviada por Ingrid Douglas, que fotografou o conjunto dias antes de ser todo desmontado. A foto foi feita à distância, pois o local era guardado dia e noite por seguranças. Para ver imagens mais antigas do conjunto, clique aqui.

Definido o ator que viverá o anão Dáin Pé-de-Ferro em O Hobbit!

De acordo com o neozelandês Stuff.co.nz , o ator e comediante escocês Billy Connolly (69) foi escalado para viver o anão Dáin Pé-de-Ferro em O Hobbit. Dáin é primo de Thorin Escudo de Carvalho (Richard Armitage) e seu herdeiro, além de desempenhar um importante papel na Batalha dos Cinco Exércitos. Rumores antigos apontavam o inglês Brian Blessed como forte candidato para o papel, porém, a escalação de Connolly é oficial. Veja a filmografia do ator no IMDb.

“Nós não poderíamos pensar em um ator mais adequado para interpretar Dáin Pé-de-Ferro, o mais fiel e mais resistente dos anões. Com Billy entrando para o elenco de O Hobbit, ele agora está completo. Nós mal podemos esperar para vê-lo no campo de batalha”, disse Peter Jackson.

 

Então, aprovado?

Evangeline Lilly faz revelações sobre Tauriel

Em entrevista à Entertainment Weekly, a atriz canadense Evangeline Lilly falou sobre seus mais recentes trabalhos e fez algumas revelações sobre sua personagem em O Hobbit, Tauriel. Abaixo, segue o que Lilly disse sobre a elfa guerreira. Desnecessário dizer, portanto, que o conteúdo pode ser revelador para aqueles que não desejam saber maiores detalhes sobre a personagem e como ela se insere na trama.

________________________________

[…] Você está interpretando uma nova personagem chamada Tauriel, que é uma elfa da Floresta das Trevas, o que me leva a crer que ela é um tipo de guerreira, ou algo assim. Você teve que aprender esgrima e a atirar com arco?

Sim, ela é uma guerreira. Ela é realmente a chefe da guarda élfica. Ela é uma figura importante do exército. Então, ela sabe manejar qualquer arma, mas as principais armas usadas por ela são um arco e flecha e dois punhais. E ela é letal. Você definitivamente não quer ser pego em um beco escuro por Tauriel.

Então Tauriel deve estar envolvida com os anões capturados…

Acho que basicamente o que você está perguntando é se ela aparece muito no filme. Ela não está muito no primeiro filme. Ela entra no primeiro filme perto do final, e tem uma participação muito pequena. O papel no segundo filme é muito mais desenvolvido. Embora, devo dizer que quando comecei a ler o roteiro e aceitei o trabalho, seu papel no segundo filme era muito menor. Eu acho que o papel está se tornando um pouco mais exigente do que eu esperava que fosse. Há muito mais para eu fazer agora, o que é muito divertido, mas sinto um pouco mais de pressão.

Será que ela desempenha um grande papel na Batalha dos Cinco Exércitos?

Oh, eu não sei. Nós não filmamos isso ainda. Eu ainda tenho que voltar para mais cinco meses de filmagem.

Por quantos meses você esteve por lá?

Indo e voltando nos últimos seis meses. São filmagens de dois anos que abarcam ambos os filmes, e meu contrato é por aproximadamente um ano. Eu ainda saio e volto para a Nova Zelândia durante todo esse ano.

Manter O Hobbit consistente com SdA sempre foi a intenção de Peter Jackson

O primeiro trailer de O Hobbit: Uma Jornada Inesperada deixou bem claro que a Terra-média não mudou muito desde que Peter Jackson concluiu O Senhor dos Anéis. E isso não é uma reclamação. Para os fãs, quando se trata de O Hobbit, a mudança não é necessariamente bem-vinda.

Falando com a MTV News, no Sundance Film Festival na semana passada, Jackson explicou que sempre foi sua intenção manter O Hobbit narrativa e visualmente consistente com  O Senhor dos Anéis.

“Queríamos que fosse parte de uma série de cinco filmes”, explicou. “Felizmente, Tolkien escreveu um monte de material extra nos apêndices de O Senhor dos Anéis, onde ele mesmo amarra as duas histórias, 20 ou 30 anos após a publicação de O Hobbit. Então, nós fomos capazes de usar parte desse material”.

Mas, apesar do O Hobbit de Jackson não ser “tão infantil quanto a história do livro original”, ele trabalhou duro para ter certeza de que os filmes ainda “tenham um pouco de humor”. Por exemplo, Jackson prometeu que “algumas das canções [do romance] estarão lá”. Os fãs tiveram uma prévia dessas músicas no trailer lançado em dezembro passado, quando os anões se reúnem no lar de Bilbo Bolseiro para cantar uma canção sombria, acompanhada pela épica melodia composta por Howard Shore.

Encontrar este equilíbrio, mas permanecer fiel ao estilo da trilogia cinematográfica de O Senhor dos Anéis, permitindo que O Hobbit seja a prequência natural desses filmes, tem sido um desafio agradável para Jackson, que está mais do que animado em voltar a trabalhar com hobbits, magos, anões e dragões.

“Eu estou gostando do filme e estou realmente animado com ele. Eu adoro ir ao trabalho todos os dias. Eu amo filmá-lo. Em fevereiro, vamos começar mais 100 dias de filmagem, mais ou menos até julho. Já teremos filmado ambos os filmes por essa época”, concluiu o diretor.

 

Quem também falou à MTV News foi o ator estadunidense Elijah Wood, que viveu o hobbit Frodo Bolseiro no O Senhor dos Anéis, e gravou uma participação especial para O Hobbit: Uma Jornada Inesperada, revivendo seu personagem. Apesar de não ter passado um longo tempo nos sets de filmagem, na Nova Zelândia, o ator disse que já conseguiu ter uma ideia do “clima” do novo filme de Peter Jackson, de acordo com o Vírgula.com.

Ele acredita que o diretor conseguiu retratar a atmosfera mais amena do livro O Hobbit, de J. R. R. Tolkien, se comparado a sua sequência, a trilogia O Senhor dos Anéis.

O Hobbit é mais fantástico, mágico e um pouco mais cômico. Os anões são engraçados e meio trapalhões”, afirmou.

Apesar disso, Wood disse que O Hobbit possui uma atmosfera de “destruição iminente”, e falou, ainda, sobre sua participação no filme

 “Existe seriedade, mas há muita diversão também”, contou.

 “Foi como voltar no tempo. Nós gravamos algumas coisas na Vila dos Hobbits, e a última vez que estive lá foi quando tinha 19 anos. Agora, tenho 30. Foi um passo bizarro em um portal do tempo. No entanto, foi lindo”, afirmou.