Os Filhos de Húrin: a maldição dos ananos. Ananos?!

Sim, essa é a nova forma de traduzir "anões" (dwarves) no universo tolkieniano, segundo um padrão que já tinha aparecido na nova tradução (por enquanto engavetada) de "O Senhor dos Anéis".

A justificativa é simples: Tolkien usava um plural diferenciado do padrão inglês para dwarf, que seria simplesmente dwarves. (Algumas vezes ele comenta que a forma histórica correta da palavra, segundo padrões filológicos, seria dwarrow-dwarrows). Daí a opção do tradutor Ronald Kyrmse por usar "ananos" — mas a palavra também ficou "anano" no singular.

O termo também aparece na forma composta como "ananos-miúdos" (em inglês petty dwarves, o povo do traiçoeiro Mîm). Resta saber como os leitores já habituados à obra vão reagir à escolha ousada. Mais detalhes sobre a tradução em breve.