A Sexualidade dos Elfos – Parte 3

Por que os elfos foram embora da Terra-média? Essa é uma pergunta que, para muitos, não quer calar.

Depois de extenuante pesquisa (o que demanda tempo, por isso a demora na publicação dessa descoberta), chegamos ao fato conclusivo: a poluição atmosférica fez com que os elfos entrassem em processo de extinção.

 
As partículas de poluição aderem-se à mucosa nasal, como todos nós, boas crianças, aprendemos na escola (ou naquele programa, O Mundo de Beakman, lembram?). Além das partículas sólidas tóxicas que se aderem à mucosa, existem os microorganismos maléficos que causam a infertilidade élfica, matando os esporos antes da maturação.

Outra questão relevante encontrada foi o aquecimento global. Nas regiões secas a mucosa nasal seca, e, sem esse fluido, os esporos morrem por falta de alimento.

Sem meios de se reproduzir e com a poluição aumentando cada vez mais, os elfos foram se extinguindo, e, se entrarem algum deles, são espécimes raros que conseguiram manter-se em face à poluição.

Cientistas tentaram convencer esses espécimes a participarem de programas de manipulação genética para que a raça élfica não se extinguisse, mas eles todos responderam que não participariam, pois segundo eles, eles têm seus próprios problemas.

Muitos elfos se misturaram com humanos, mantendo características élficas externas e o modo de reprodução humano, por isso o que se encontra em maior quantidade hoje em dia são os meio-elfos.

Garotos e garotas, não se esqueçam: querendo agarrar um elfinho ou uma elfinha que restou na Terra-média, apaguem seus cigarros!

Comentários