A Outra face da Moeda

Sexta-feira a noite. Computadores ligados. Janelas de conversas pelo ICQ, estão abertas em diversos deles. Entre tantas conversas simultaneamente, uma é especial…

Liebe (22:54 PM) : Você está aí Leggy?? Ou invisível de novo?

Leggy(22:55 PM): Sim! Eu estou aqui Li. Tudo bem com você?

Liebe(22:55 PM): Tudo ótimo! E com você??

Leggy(22:56 PM): Comigo também! Adorei sua foto. Recebeu a minha? Mandei pelo seu e-mail.

Liebe(22:57 PM): Não! Manda de novo!

Leggy(22:58 PM): Recebeu agora?

 

Liebe abre o e-mail, com anexo. Aparecem duas pessoas na frente de um pôster, numa sala de cinema qualquer. O pôster do Legolas, serve de fundo para dois homens, um moreno e um ruivo, beirando a faixa dos 20-30 anos. Os dois homens bastante interessantes…

Liebe(23:00 PM): Recebi agora! Você é o moreno ou o ruivo???

Leggy(23:00 PM): Eu sou o loiro Li!

Liebe(23:01 PM): HaHaHa. Só você mesmo Leggy! Deixa de ser palhaço!

Leggy(23:02 AM): Estou falando sério. O encontro continua de pé?

Liebe(22:54 AM): Claro. Até Amanhã! Bons Sonhos…


Liebe chega no restaurante. Um pouco atrasada. Na verdade, bastante atrasada. Leggy com certeza, já devia estar lá dentro, para não perder a reserva da mesa. Ele não estava muito a fim de se encontrar num lugar publico, mas ela não entendeu isso.

- Por favor! Eu estou esperando alguém. – Liebe – Nós reservamos uma mesa. E eu estou atrasada. Ele já deve ter chegado.

- Senhorita Liebe? – Garçom

- Exatamente!! – Liebe – Ele chegou??

- Claro! Encaminhe-se a mesa 16! – Garçom – Ele já está a sua espera.

Liebe, além de atrasada, totalmente distraída, se perde na numeração, passa direto pela mesa 16. Mesa ocupada por alguém de cabelos loiros e compridos, amarrados, mas cobrindo estranhamente as orelhas. O ocupante dessa mesa, levanta e a segura pelo braço.

- Liebe!!!!! Onde você vai??? – Leggy

- Leggy? Legolas?? – Liebe – Você é o Leggy?

- Claro! Você não viu minha foto?? – Legolas

- Eu vi. Mas eu pensei, que você era um dos caras na frente do pôster! Não imaginei que você era o do pôster. – Liebe

- Mas eu avisei você que eu era o loiro. – Legolas – Tem algum problema para você?

- Não! Foi só uma confusão inicial mesmo. – Liebe – Vamos nos sentar?

- Claro! – Legolas puxando uma cadeira para ela.

- Então. Agora estou com uma duvida. Qual o motivo de um elfo sair da Terra Média? – Liebe.

- A trilogia nos cinemas. – Legolas – Depois daquele filme minha vida virou um inferno. A mulherada não
me deixa em paz.

- Mas e antes? – Liebe – Ninguém ligava para você?

- A mulherada já tinha uma certa fixação. – Legolas – Então depois da trilogia…as coisas só pioraram!

- Desculpe interromper. Aqui estão os cardápios. – Garçom, voltando sua atenção para Legolas – Foi enviado um bilhete para o senhor.

Legolas lê o bilhete, fecha o rosto e olha ao redor. Retorna o olhar para a mesa, mas desta vez com um ar de indignação!

- Estou falando! Ninguém merece! Olha só Liebe! Mas olha despistadamente! Está vendo uma mulher, acompanhada, 2 mesas a nossa esquerda?? – Legolas

- Uma vestida de azul? Ela não para de olhar para nós. – Liebe – Qual o problema com ela??

- Foi ela que me mandou um bilhete. Olha só o que ela escreveu: "Se você quiser trocar de companhia…Eu espero lá fora!" – Legolas

- Mas que cara de pau! Ela não viu que você está acompanhado? – Liebe – Ela esqueceu que está
acompanhada também…só pode ser isso! Deve ser mais tapada que um hobbit com fome.

- Você não viu quando estou com Estel… – Legolas

- Imagino! O assedio é dobrado! – Liebe

- Elrond expulsou nós dois de Valfenda. Agora, só um pode entrar de cada vez. Os quartos ficavam
lotados de elfas, humanas, anãs… Acho que até entesposa apareceu por lá. – Legolas

- Imagino! E ainda tem a filha dele! – Liebe – Aquela elfa deve ficar desesperada. Ainda mais, considerando que o Aragorn não para quieto em Valfenda.

- Desculpe interrompe-los novamente. O Senhor recebeu mais um bilhete. – Garçom

- Obrigado! – Legolas, abrindo o bilhete…

- Cara de pau mesmo! – Liebe – É da mesma mulher?

- Não. Dessa vez é pior É do cara que esta com ela. -Legolas

- Puxa! Cantada até de homem?? – Liebe – Por essa eu não esperava! Você está com a bola toda Leggy! Está sendo mais paquerado que a própria Luthien!

- Não é cantada. Ele disse que se eu arredar daqui eu levo um tiro na saída. – Legolas

- Essa foi engraçada – Liebe rindo.

- Você está rindo, porque não está no meu lugar! – Legolas indignado.

- Não se preocupe com ele Leggy! – Liebe – Você tem proteção do seu fã clube!!

- Eu tenho mais medo do meu fã-clube do que de um balrog. – Legolas – Acho que eu vou me mudar para Moria. Pelo menos lá eu tenho paz!

- Não liga não. Daqui a pouco a mulherada esquece. Eles lançam um novo filme com um novo bonitão. – Liebe

- Você ainda não entendeu a gravidade da situação Liebe. Isso é só a ponta do iceberg. Quase
estabelecemos uma crise em Rohan. Na Batalha no Forte da Trombeta. Mulher nenhuma queria ficar nas cavernas. – Legolas

- E a Eowyn? – Liebe

- Coitada! Inicialmente a queda foi por mim. Ela ficou meio dividida. – Legolas – E percebeu que o lance dela, era com o Estel mesmo. Mas o Estel tem a Arwen. Então ela se arrastou para meu lado de novo. Eu não queria nada com ela. Então ela descontou a raiva no rei bruxo. E acabou ficando mesmo com o Faramir.

- Pelo menos ele ficou feliz. – Liebe
{mospagebreak}
- Depois de quase me matar. – Legolas – O assedio é ruim, mas as ameaças são piores! Maridos, noivos, namorados, amigos…fizeram até protesto contra mim. Não arranjo um apartamento para morar. Ninguém quer ser meu vizinho!

- Você sofre mesmo! – Liebe – Tadinho! Por isso fica se escondendo atrás da Internet.

- Pelo menos lá ninguém sabe quem eu sou. Eu tentei primeiro usar o palantir. Mas como são poucos, você não conhece quase ninguém. – Legolas – Tem gente que ainda acha que eu gosto disso.

- Imagino. Eu não estou aquentando isso há dez minutos. – Liebe

Novamente um garçom interrompe a conversa dos dois…

- Já sei! Mais um bilhete da sirigaita de azul? – Liebe – Manda ela ir plantar batatas nas Terras Ermas.

- Não! Nós estamos trazendo o melhor vinho do restaurante. Cortesia da dona da casa. – Garçom

- Agradeça ela então! – Legolas

- Ela também disse que, depois que a sua acompanhante
for embora, adoraria conversar com você. – Garçom

- Diga a ela que eu aceito o vinho, mas recuso a conversa. – Legolas – São nessas horas, que eu queria ter nascido orc.

- Transmitirei sua mensagem! Me dêem licença. – Garçom se retirando

- Será que não vamos conseguir conversar em paz? – Liebe indignada

- Eu sofro mais que o Estel. – Legolas – Acho que o motivo foi o Tolkien ter me deixado solteiro. Vou ter que acabar indo para Valinor. Só assim vou ter paz!

- Mas porque você não volta para seu reino? – Liebe – Seu pai é rei! Lá quem manda é ele!

- Ele só tem poder sobre meu povo. A Floresta das Trevas não é mais um lar para mim. Estavam destruindo ela, de tantos acampamentos para me ver. – Legolas – Pior eram as barraquinhas dos sulistas, vendendo souvenirs. Tinha de tudo, de foto minha à roupa velha.

- Até imagino: "Não percam a oportunidade, a ultima meia do Legolas, quem vai querer? " – Liebe rindo

A mesa perto deles é ocupada. Por um trio de garotas, que logo notam a presença de alguém em especial, na mesa do lado!

- Olha só! É o Legolas! – uma das garotas aponta.

- Eu não acredito! – Segunda garota – Eu rezei para Eru e para cada um dos Valar. Eles atenderam minhas preces.

- Você assina meu caderno?? – a ultima garota – E meu fichário também? Você está na capa dos dois.

- Assina meu braço mesmo. – primeira garota novamente – Olha só, eu tatuei uma folha verde. O significado do seu nome. Em sua homenagem.

- Assina nossa certidão de casamento. – segunda maluca – Deixa eu bater uma foto com você? Mostrar para meus pais, você é o genro que eles pediram.

- Calma aí, meninas! Eu vou no toalete e já volto. – Legolas levanta, passa por Liebe e sussurra em seu ouvido " Tem uma mesa lá fora, é área de fumante, mas nós pelo menos despitamos elas"

Liebe pisca confirmando, e sai na direção contraria de Legolas. Senta a mesa e aguarda pacientemente. Cinco minutos passam. Dez… Quinze… Quando já pensava em levantar e ver o que aconteceu, aparece Legolas, com a roupa rasgada, e cheio de marcas de batom no rosto!

- Por Eru! Você tentou despistar elas no banheiro, ou numa festa de trolls em Mordor? – Liebe

- Entraram atrás de mim no banheiro masculino! – Legolas – Quase não saio com vida. Eu não aquento mais isso!

- Quer saber? Nem eu! Se manda para Valinor, é o melhor que você faz. – Liebe se levanta da mesa – Eu vou voltar para casa. Tchau.

- Mas…Você vai embora, Liebe?? – Legolas vai atrás dela – A culpa não é minha.

- Nem minha. E eu não quero viver assim. – Liebe

- Eu não acredito, Liebe. – Legolas – Até um orc entenderia minha situação.

- Mas eu não! – Liebe – Paciência tem limite!

- Por isso eu quis o encontro num local privado. – Legolas

- Eu não sabia se você era um maluco, serial killer, lunático, mafioso ou coisa parecida. – Liebe – Não marcaria um primeiro encontro, com alguém que conheci na internet, num lugar deserto.

- Você achou que eu era tudo isso? – Legolas – Você é meio cismada, hein? Pode ir embora mesmo.
- Fui! – Liebe se retirando – "Isso que dá conhecer gente pela Internet. O jeito vai ser tentar o Fica Comigo, na MTV, mesmo!"

Fim!!!!!!!!!!

- Há! Há! Há! Você levou um fora! – Pippin

- Cala a boca Tûk! – Liebe

- A humana está irritadinha… – Merry – Só porque o Leggy ficou com a mulher de azul!

- Eu não acredito que ele ficou com ela! – Liebe

- Eu peguei você. – Merry

- Senhorita Liebe, o que é o "Fica Comigo" ? – Sam

- É um programa para arrumar namorados. – Liebe

- Eu quero entrar. – Frodo

- Nós podemos assistir o senhor Frodo? – Sam

- Vou ver o que posso fazer por vocês. – Liebe – Daqui a duas eras eu respondo.

- É ótimo quando ela não está irritada com a gente. – Pippin

- Pippin!! – Liebe

- Não começa. – Merry – Ou eu vou dizer para o Gimli, que além de falar mal da Galadriel, você brigou com o Legolas!

-Está bem!! Vocês venceram!!

Fim! Di novu!