Del Toro fala mais sobre O Hobbit

Guillermo Del Toro
A revista on-line Empire conseguiu fazer mais algumas perguntas para o
Del Toro, principalmente sobre o elenco original e o atual processo do
Tolkien Estate contra a New Line
. Leia abaixo:

 
Nós encontramos com Guillermo Del Toro alguns minutos atrás e pedimos a ele uma atualização sobre a situação atual dO Hobbit. Muitas páginas têm anunciado que seu acordo para dirigir está assinado e sacramentado, apenas aguardando o final da greve dos redatores para ser anunciado. Mas não é bem assim, diz ele.

"Eu gostaria que estivesse definido, mas não está", ele nos contou. "Ainda está em negociações, ainda há um monte de t’s para cruzar e i’s onde se colocar pingos. Com certeza não está certo ainda. Mas, no que se refere a mim, [se for definido] eu farei as malas em dez segundos".

Muitos sabem que no início desta semana o Tolkien Estate anunciou que estava processando a New Line por valores que afirma ter direito na trilogia O Senhor dos Anéis, o que potencialmente pode significar o estúdio perder os direitos de fazer O Hobbit.

"Eu ouvi sobre isso, mas eu sou bastante zen sobre essas coisas", Del Toro continuou. "Desde que as notícias surgiram, eu não falei por telefone nem com meu advogado nem com meu empresário nem com ninguém. Eles falam sobre isso e eu recebi alguns e-mails, mas, no que se refere a mim, até que eu esteja a bordo eu não me preocuparei com isso. Eu li sobre isso, mas não há nada que eu possa fazer. Esta semana parece ser a semana dos processos, em Hollywood".

Por último, se, dedos cruzados, ele colocar for confirmado na direção de O Hobbit e sua seqüência,  perguntamos se ele traria de volta alguém do elenco original de O Senhor dos Anéis cujos personagens aparecem em O Hobbit, como Andy Serkis e Ian McKellen.

"Sim, com certeza. Eu tenho sido incrivelmente aberto sobre as coisas que eu gosto e não gosto. Eu recusei franquias imensas no passado porque existem partes daquele mundo que não me atraem. A razão pela qual eu aceitei Blade 2 é que eu adoro os personagens que Stephen Norrington criou e os atores que ele usou. Isso, multiplicado por dez, é a razão pela qual eu estou interessado em O Hobbit".