A Torre de Durin

Construída no topo de um dos picos mais elevados das Montanhas
Nebulosas, e feita na própria rocha da montanha, a Torre de Durin era
um dos melhores exemplos da inigualável perícia e perseverança dos
Anões. 

 
zirak.jpg
A montanha sobre a qual a Torre foi edificada era Celebdil, conhecida
entre os anões, na sua língua, por Zirak-zigil, e chamada no idioma
comum de Silvertine. Era um dos três grandes picos – Silvertine,
Cloudyhead e Redhorn – sob os quais foram escavadas as Minas de Moria.
O acesso à Torre era feito através da Escada Interminável, uma
escadaria espiral com milhares de degraus, construída no interior da
própria Celebdil, desde as fundações da montanha até ao seu pico.
 
silvertine-howe.jpgNão se sabe ao certo quando a Torre de Durin foi erguida; provavelmente
nos anos de Durin, Pai dos Anões, quando estes se estabeleceram em
Moria – e talvez seja essa a origem do seu nome. Mas com o passar das
eras a Torre foi abandonada e a sua localização esquecida. Alguns Anões
acreditavam que fora destruída, outros que não passava de um mito.

No final da Terceira Era, a 23 de Janeiro de 3019, Gandalf o Cinzento e
o Balrog de Moria, envolvidos numa luta mortal que começara nas
profundezas de Khazad-dum, subiram a Escada Interminável e alcançaram a
Torre. Durante dois dias combateram, numa luta mais tarde conhecida
como a Batalha do Pico; na convulsão da batalha a Torre de Dúrin foi
derrubada, e a entrada para a Escada bloqueada. Gandalf acabaria por
derrubar o Balrog, embora isso lhe custasse a vida.


Mais Imagens:
durinstower.jpg
 
decipher_durinstower_tn.jpg
 
mesa04_00.jpg
 
Fontes: 
 
Websites:
Thain’s Book

Livros:
The Complete Tolkien Companion, J. Tyler

Agradecimentos a AlissonTuor pelo fornecimento de algumas imagens.