Novas Artes dos Fãs

lothlorien.jpg

Mais um dia de sol, na nossa querida floresta e mais um dia de novidades: temos três novos desenhos na galeria Arte dos Fãs. São eles:

 

 

 

Todos os três desenhos foram enviados pelo Gustavo Malek, o famoso Galahan. Ele aproveita para explicar um pouco mais sobre os desenhos enviados:

 

A Donzela das Lágrimas e o Senhor do Destino (Nienor e Turin):

Conceito: Uma tentativa de retratar o mais trágico casal do mundo mítico de Tolkien. Túrin, filho de Húrin Thalion e primo de Tuor, foi o homem mais temido de seu tempo pelos servos de Morgoth. Ele prestou grande serviço para Doriath e Nargothrond, e é famoso por ter matado Glaurund, o Pai dos Dragões, mas a maldição de Morgoth estava sobre ele, e o mal sempre o seguiu. Na Floresta de Brethil ele encontrou sua irmã, Nienor, mas por causa dos feiticços de Glaurung eles não se reconheceram, e casaram-se. Depois que Nienor descobriu a verdade, ela atirou-se de um penhasco para a morte, e em desespero Túrin jogou-se sobre sua própria espada. Neste desenho procurei retratá-los após seu encontro em Brethil, quando Nienor descobriu que estava grávida e pressentia algo terrível.

Técnica: Arte feita em papel A4 e scaneado e colorido digitalmente. O cenário foi feito tempos depois e separado do casal.

 

E Lúthien cantou para Mandos :

Conceito: "Lúthien, no entanto, foi aos palácios de Mandos, onde estão so locais designados para os eldalië, para além das mansões do este, nos confis do mundo. Lá, os que esperam, ficam à sombra de seus pensamentos. Contudo, a beleza de Lúthien era maior que a deles; e a sua dor, mais profunda. E ela se ajoelhou diante de Mandos e cantou para ele. A canção de Lúthien diante de Mandos foi a mais bela cantada jamair criada em palavras, e a mais triste que o mundo um dia ouvirá. Inalterada, imperecível, ela ainda é cantada em Valinor, longe dos ouvidos do mundo; e, ao ouvi-la, os Valar se entristeceram. Pois Lúthien reuniu dois temas de palavras, a tristeza dos eldar e o pesar dos homens, das Duas Famílias criadas por Ilúvatar para habitar em Arda, o Reino da Terra, em meio às estrelas incontáveis. E, enquanto estava ajoelhada diante dele, suas lágrimas caíram sobre os pés de Mandos como chuva sobre as pedas. E Mandos se comoveu, ele, que nunca se comovera desse modo até então, nem depois." (O Silmarillion).

Técnica: Arte feita em papel A4 e scaneado e colorido digitalmente. Meu domínio do software ainda era bem precário. O cenário, apesar de concebido, não foi feito por falta de habilidade em por em prática e por falta de tempo.

 

Elfo Sinda:

Conceito: representação de um membro do povo élfico de origem Telerin, que quando veio para as costas ocidentais da Terra-média com os outros de sua espécie, mas não cruzaram o mar, para as Terras Imortais, mas permanecerem em Beleriand.

Técnica: Desenho feito inteiramente de forma digital, do rascunho à colorização. Meu primeiro desenho feito com a mesa digitalizadora.

 

Caso você queira enviar um desenho para a nossa galeria, basta enviar um email pra mim (ttone@valinor.com.br) ou me contarctar por MP, no nosso fórum.

{mos_vbridge_discuss}