Eleni Valinóreva III – Entrevista com Thorondil

 
 Saulo Assis Maia, o Thorondil, nasceu em 1988 e é estudante em Lorena, no interior de São Paulo. Thorondil foi vencedor do prêmio "Destaque Lingüística" do Eleni Valinóreva III, tanto na escolha do Júri quanto do voto Popular, o que já havia acontecido também na edição anterior da premiação.

Colaboradores Valinor: Quando conheceu Tolkien, Saulo?
Thorondil: Olha, eu sou mais um daqueles que vieram pelo caminho do Harry Potter. Quando foi lançado o filme do Harry Potter e a Pedra Filosofal (final de 2001, se não me engano) eu comprei a Revista SET com matéria de capa sobre o filme. Uma das repartições da matéria fazia algumas indicações de leitura, e entre elas estava "O Senhor dos Anéis", que eu resolvi ler.

CV: Começou a ler pelo SdA então? E os demais livros?
Thorondil: Comecei pelo SdA sim. Depois li O Silmarillion e O Hobbit, mas ainda estou no meio do Contos Inacabados. Eu sou uma das exceções do ramo, leio muito devagar! =P Pretendo ainda ler todos os outros, sejam em Português ou em inglês.

CV: Já leu os livros off-Arda (“Mestre Gil de Ham”, “Roverandom”, etc)?
Thorondil: Ainda não! Estou doido pra ler! Devem ser mais fáceis de ler, mas quando surgir a oportunidade eu compro e leio-os.

CV: Deixando os livros de lado e entrando na internet, quando você caiu na Valinor, e quando se tornou o Thorondil?
Thorondil: Ah! A Valinor eu conheci logo que comecei a ler o SdA. Mas quando entrava, eu ficava todo perdido. Via tanta coisa estranha, nomes estranhos, que acabei não me interessando muito pelo site. Depois que o SdA: SdA saiu no cinema eu me fissurei de vez pela coisa. Foi aí que entrei naquela seção da Valinor "Armas do Filmes!" e achei muito foda todas aquelas incrições nas armas. Curioso com eu sou, resolvi decifrar o qual caracter era qual de acordo com as traduções. Fiz umas fichas com as tengwar que tenho até hoje aqui guardadas. Foi aí que me interessei pelas línguas e fui procurar um nick no dicionário de Sindarin, e o escolhido foi Heledir (quem se lembra?), que significa "martim-pescador". Depois de um tempo eu mesmo fiz um, Thorondil (Amigo das Águias [que tosco =P]).

CV E por que o nome Thorondil?
Thorondil Eu realmente amo muito a natureza e acho que os pássaros a representam muito bem. Um pássaro que acho muito lindo é a águia, que também tem presenças marcantes nas obras do professor. Juntei thoron "águia" em sindarin com o sufixo -( n)dil "amigo, amante", que achei no Quettaparma Quenyallo (dicionário de Quenya). Eu até hoje não sei se é aceita essa junção de Sindarin com Quenya, mas se o Fëanor pode, porque eu não posso? =P