Erros de O Senhor dos Anéis em matéria de Revista

Todo mundo têm algum "erro de gravação" de filme para contar: desde os mais fáceis, como microfones no alto da tela at
 

Todo mundo têm algum "erro de gravação" de filme para contar: desde os mais fáceis, como microfones no alto da tela até detalhes de figurino, ou de seqüencia na história. Pois é sobre esse assunto que Eduardo Torelli trata em matéria da Revista "DVD Aúdio e Vídeo Magazine", desse mês. Como ele explica, quanto maior a produção, maior o número de gafes. Com a invenção do VHS, foi possível avançar ou retroceder o filme. Já com o DVD não houve mais dúvidas: a nitidez da imagem digital possibilitou dar pausas, dar zoom’s, e rever uma imagem remasteriazada que nas décadas de 30 ou 50, por exemplo, antes eram de má qualidade. Porém, os números mostram que as equipes de produção eram mais cuidadosas no passado: enquanto [i]Ben Hur[/i] possui 13 erros catalogados, o recente e multimilionário [i]O Senhor dos Anéis – A Sociedade do Anel[/i] ostenta absurdas… 122 falhas! Eduardo comenta, com base e ajuda da Equipe do [i]Falha Nossa[/i] ([url]www.falhanossa.com.br[/url]), dos erros da trilogia vencedora de vários Oscar: "[…]No mesmo filme, o galã Aragorn (Viggo Mortensen) está de mãos vazias quando entra em uma caverna assombrada. Mais tarde, aparece empunhando uma tocha, sem que o filme explique como e onde o herói obteve a madeira – e o que fez para ascender o fogo. J.R.R. Tolkien é que estava certo: a magia é poderosa!" Para ler a matéria completa, é só passar nas bancas, e pedir pelo exemplar número 29 da Revista, que custa R$ 8,50. É bom comentar também que a Revista traz sempre imagens de salas com Home Theater, e algumas das imagens que passam na tela são da trilogia de Peter Jackson. Bacana para os fãs de Tolkien.