Neozelandeses pedem que O Hobbit seja filmado no país

WELLINGTON – Milhares de pessoas foram às ruas da Nova Zelândia nesta segunda-feira para protestar contra a possibilidade de que os filmes da série O Hobbit passem a ser produzidos em outro lugar. Os manifestantes estavam fantasiados como hobbits ou outros personagens desse universo e levavam cartazes com dizeres como “A Nova Zelândia é a Terra Média” e “Amamos os Hobbits”.

Representantes do estúdio Warner Bros. Pictures chegam na terça-feira à Nova Zelândia para decidir onde rodar o novo episódio da lucrativa adaptação da obra de J.R.R. Tolkien, um projeto de meio bilhão de dólares. Uma breve greve no país havia levado os produtores a reverem seus planos.

O diretor Peter Jackson, que é neozelandês, rodou no país a trilogia O senhor dos Anéis, o que representou um impulso positivo para a indústria cinematográfica local e a imagem internacional da Nova Zelândia, uma pequena nação na Oceania.

Ele pretendia rodar os dois episódios de O Hobbit também na Nova Zelândia, mas um protesto de técnicos contra as condições de trabalho enfureceu o cineasta e enervou os produtores.

A Time Warner disse na semana passada que poderia buscar outra locação, algo que segundo economistas custaria até US$ 1,5 bilhão à Nova Zelândia.

Photograph: Marty Melville/Getty Images, The Guardian

O sindicato dos técnicos recuou, e analistas acham que a Warner usará essa crise para obter incentivos financeiros do primeiro-ministro John Key, que na segunda-feira disse a jornalistas haver 50 % de chances de que a filmagem seja na Nova Zelândia.

“Eu adoraria dizer a vocês que o negócio está fechado, mas estamos longe de fechar o negócio. Há várias questões que precisaríamos resolver”, disse ele ao jornal New Zealand Herald.

Entre 2 mil e 3 mil pessoas se reuniram em Wellington, a capital, e em outras cidades para pressionar o estúdio. O premiado técnico Richard Taylor, cujo estúdio Weta Workshop preparou muitos efeitos especiais de O Senhor dos Anéis, disse aos manifestantes em Wellington que está otimista e que O Hobbit será filmado na Nova Zelândia.

“A alternativa é sombria demais para ser considerada”, afirmou.

Há rumores de que a Warner estaria cogitando locações na Grã-Bretanha, Canadá, Austrália e Leste Europeu.

Fonte: O Globo

Comentários

    1. Ótimo! Teríamos uma nova versão:

      O Hobbit – Contos do Nordeste

      o/

      PS: Com as opções: A Travessia do Rio Tietê e As Montanhas da Rocinha.

      1. :O mesmo o Tietê não sendo no Nordeste e a Rocinha também hahaha

        Hobbits, os Cabra da Peste!

        Lampião e Hobbitão hehehe

        Mas tudo será Bem Dito!

        1. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
          Nossa! EuRI!
          “O Hobbit – Contos do Nordeste”
          “Hobbits, os Cabra da Peste!”
          “Lampião e Hobbitão”

          kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

          Provavelmente o Smaug, seria um Calango gigante e falante!
          haushausahushasuahsuahsausa

          O nome do Thorin seria: Thorin, escudo de Cacto
          hsuahsaushaushausahusa

          O Bilbo teria sido roubado no primeiro dia de viagem.

          Os 13 Anões, o Hobbit e Mago, bateriam uma bolinha nos finais de semana lá em Valfenda.

          Os 3 Trolls: William, Bert e Tom, ao invés de estarem em florestas roubando viajantes indefesos, estariam sentados em cadeiras no Senado Brasileiro, roubando milhões do povo.

          O smeagol seria encontrado e entrevistado pelo pânico na TV, e na estrevista, ele ia cuspir e falar “Gollum”, e o povo inteiro ia achar graça disso, e isso seria repetido em todos os lugares do Brasil, desenfreadamente.

          AHSUASHUASHAUSHAUSHAUSHAUSA
          Definitivamente! Prefiro o filme na Nova Zelândia mesmo…