Warner e MGM chegam a acordo para início das filmagens de O Hobbit

Após uma série de atrasos e problemas, os estúdios Warner Bros Pictures e Metro-Goldwyn-Mayer (MGM) chegaram a um acordo para dar início em fevereiro de 2011 às rodagens do filme baseado no livro O Hobbit, segundo informou nesta sexta-feira (15) o site The Hollywood Reporter.

O Hobbit é a história que antecede a trilogia O Senhor dos Anéis, de J.R.R. Tolkien, uma das sagas de maior sucesso da história do cinema.

Em formato 3D, o longa será dividido em dois episódios, que têm datas de estreia previstas para dezembro de 2012 e dezembro de 2013. No entanto, os estúdios ainda não deram o “sinal verde” ao projeto, pois aguardam a solução de um conflito entre o diretor Peter Jackson e os sindicatos da Nova Zelândia.

O problema entre os sindicatos e três produtoras de Hollywood representadas por Jackson teve início quando os trabalhadores denunciaram que o cineasta não queria negociar diretamente com eles, nem fixar condições mínimas de trabalho.

A produção de O Hobbit sofreu grandes atrasos devido à situação financeira da MGM, que detém os direitos de distribuição internacional sobre o longa e é obrigada a cobrir a metade do orçamento, que ronda os US$ 500 milhões. Em maio, o mexicano Guillermo del Toro decidiu deixar a direção de O Hobbit devido aos constantes atrasos nas filmagens.

Segundo o jornal O Globo, Jackson insinuou, por meio de um comunicado divulgado pela Warner nesta sexta-feira, que O Hobbit deveria ser filmado em 3D desde o começo, e não repetir o erro de filmes como “Fúria de Titã” que foi filmado com câmeras convencionais e convertido para o formato 3D logo depois, algo que fez a Warner ser muito criticada por isso.

“A exploração da Terra Média de Tolkien vai muito além da experiência cinematográfica normal. Não vemos a hora de retornar ao mundo maravilhoso de Gandalf e Bilbo. É uma viagem de imersão total em um lugar muito especial, onde reinam a imaginação, a beleza e o drama”, disse Sir Peter Jackson no comunicado.

Cerca de US$ 30 milhões já foram gastos com a pré-produção de O Hobbit até agora.

Fonte: Terra Cinema

Comentários

  1. Acho muito bom já ter uma data prévia. Isso da indícios de que o filme vai ocorrer, porém ainda há a dívida que a MGM tem que pagar. Também é muito bom o filme já ser filmado em 3D, pois a qualidade fica bem melhor. Também acho muiyo bom o filme ser dirigido por Peter Jackson, pois, como Billy Boyd disse: “Peter já tem todas as programações das técnologias” como por exemplo ás de Gollum, que será muito essencial no filme.

    Bem, boa sorte ás filmagens e que a MGM consiga pagar suas dívidas.