Lauterbrunnen

Fuçando a internet descobri uma coisa interessante. Não sei até que ponto a coisa pode ser verdade, mas vale a pena pensar sobre o assunto. O artigo fala sobre a suposição de David Salo, linguista conhecido por estudar Tolkien, que Lauterbrunnental, um vale da Suiça, foi a inspiração de Tolkien para criar Rivendell.

Além da similaridade entre as fotos, Salo defende a similaridade dos nomes (o artigo não diz quais são as similaridades e tabém não descobri quais são) em uma carta, a 306, Tolkien revela que sua viagem a Suiça serviu de inspiração para o trecho do Hobbit que segue de Rivendell até Misty Mountain. Aos 19 anos Tolkien viajou por este Lauterbrunnental.
Marie Barnfiled é outra que defende esta ideia. Ela publicou um artigo chamado The Lyfe ant the Auncestrye em uma publicação da Tolkien Society dizendo que:
“não só pela similaridade do desenhdo de Tolkien de Rivendell e Lauterbrunnental, mas também:
a) Tolkien viajou por Lauterbrunnental
em 1911
b) ele caminhou por uma rota incomum no vale que é igual a usada por seus personagens até Rivendell
c) Lauterbrunnen essencialmente quer dizer Greyflood & Hoarwell (se alguém puder ajudar com a tradução desta)
d) Tolkien aproximou o som do nome Lauterbrunnen com os nomes, em Inglês e Sindarin, do rio de Rivendell: ie Loudwater & Bruinen.”

Marie vai ainda mais longe, mais adiante ela diz:“Eu nunca li isso em outro artigo, mas o vale Lauterbrunnen! aparece de novo em O Senhor dos Anéis como o vale Snowbourne em Rohan.”
Se isso é verdade acho impossível dizer, mas que a coisa está bem fundamentada isso está.

Comentários

  1. Incrível a semelhança, e o lugar em si. Difícil acreditar que Imladris teria um lugar cuja beleza pudesse servir de inspiração, no mundo real.

    Quanto às semelhanças linguísticas, confesso que não achei muita coisa, além do já citado Rio Bruinen, cujo vau encontra-se próximo à casa de Elrond.

    Pesquisando no google translator, já que não falo alemão, descobri que lauterbrunnen pode ser traduzido como “Fonte Pura” ou “Águas Ressoantes”, dentre outras variações. O que de fato condiz com a situação de Valfenda.

  2. Incrível a semelhança, e o lugar em si. Difícil acreditar que Imladris teria um lugar cuja beleza pudesse servir de inspiração, no mundo real.

    Quanto às semelhanças linguísticas, confesso que não achei muita coisa, além do já citado Rio Bruinen, cujo vau encontra-se próximo à casa de Elrond.

    Pesquisando no google translator, já que não falo alemão, descobri que lauterbrunnen pode ser traduzido como “Fonte Pura” ou “Águas Ressoantes”, dentre outras variações. O que de fato condiz com a situação de Valfenda.